×
Analista Administrativo - Administração Analista em Contabilidade Técnico de Contabilidade Analista Administrativo - Área: Suporte de Redes Técnico em Informática
×

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016

Advogado

Questão 1

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
É o que o homem pensa durante anos, enquanto envelhece.
 
Já está perto dos 50 e a pergunta ainda martela. Um dia ele vai
 
amadurecer.
 
Quando um homem descobre que não é necessário
5
escovar os dentes com tanta rapidez, tenha certeza, ele virou
 
um homem maduro. Só sendo mesmo muito imaturo para
 
escovar os dentes com tanta pressa.
 
E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo, arrumando-
 
se uma posição menos incômoda, acertando as pontas.
10
[...]
 
Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como
 
nunca. Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a
 
culpa a lhe desviar a atenção.
 
É um homem mais bonito, não resta a menor dúvida.
15
Homem maduro não bebe, vai à praia.
 
Não malha: a malhação denota toda a imaturidade de
 
quem a faz. Curtir o corpo é ligeiramente imaturo.
 
Nada como a maturidade para perceber que os intelectuais
 
de esquerda estão, finalmente, acabando. Restam uns cinco.
20
Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles
 
imaturos.
 
O homem maduro gosta de mulheres imaturas. Fazer o
 
quê?
 
Muda muito de opinião. Essa coisa de ter sempre a mesma
25
opinião, ele já foi assim.
 
[...]
 
Se ninguém segurar, é capaz do homem maduro ficar com
 
mania de apagar as luzes da casa.
 
O homem maduro faz palavras cruzadas!
30
Se você observar bem, ele começa a implicar com horários.
 
A maturidade faz com que ele não possa mais fazer
 
algumas coisas. Se pega pensando: sou um homem maduro.
 
Um homem maduro não pode fazer isso.
 
O homem maduro começa, pouco a pouco, a se irritar com
35
as pessoas imaturas.
 
Depois de um tempo, percebe que está começando é a
 
sentir inveja dos imaturos.
 
Será que os imaturos são mais felizes?, pensa, enquanto
 
começa a escovar os dentes depressa, mais depressa, mais
40
depressa ainda.
 
O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.
 
Meu Deus, o que será de nós, os maduros?
O texto começa a estabelecer uma lógica sobre a ideia de maturidade que, ao final, é desconstruída. Isso fica marcado, de modo descontraído, principalmente porque:

Questão 2

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
É o que o homem pensa durante anos, enquanto envelhece.
 
Já está perto dos 50 e a pergunta ainda martela. Um dia ele vai
 
amadurecer.
 
Quando um homem descobre que não é necessário
5
escovar os dentes com tanta rapidez, tenha certeza, ele virou
 
um homem maduro. Só sendo mesmo muito imaturo para
 
escovar os dentes com tanta pressa.
 
E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo, arrumando-
 
se uma posição menos incômoda, acertando as pontas.
10
[...]
 
Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como
 
nunca. Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a
 
culpa a lhe desviar a atenção.
 
É um homem mais bonito, não resta a menor dúvida.
15
Homem maduro não bebe, vai à praia.
 
Não malha: a malhação denota toda a imaturidade de
 
quem a faz. Curtir o corpo é ligeiramente imaturo.
 
Nada como a maturidade para perceber que os intelectuais
 
de esquerda estão, finalmente, acabando. Restam uns cinco.
20
Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles
 
imaturos.
 
O homem maduro gosta de mulheres imaturas. Fazer o
 
quê?
 
Muda muito de opinião. Essa coisa de ter sempre a mesma
25
opinião, ele já foi assim.
 
[...]
 
Se ninguém segurar, é capaz do homem maduro ficar com
 
mania de apagar as luzes da casa.
 
O homem maduro faz palavras cruzadas!
30
Se você observar bem, ele começa a implicar com horários.
 
A maturidade faz com que ele não possa mais fazer
 
algumas coisas. Se pega pensando: sou um homem maduro.
 
Um homem maduro não pode fazer isso.
 
O homem maduro começa, pouco a pouco, a se irritar com
35
as pessoas imaturas.
 
Depois de um tempo, percebe que está começando é a
 
sentir inveja dos imaturos.
 
Será que os imaturos são mais felizes?, pensa, enquanto
 
começa a escovar os dentes depressa, mais depressa, mais
40
depressa ainda.
 
O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.
 
Meu Deus, o que será de nós, os maduros?
Em “O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.” (19º§), para provocar expressividade, foi empregada uma figura de estilo que se caracteriza, sobretudo:

Questão 3

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
É o que o homem pensa durante anos, enquanto envelhece.
 
Já está perto dos 50 e a pergunta ainda martela. Um dia ele vai
 
amadurecer.
 
Quando um homem descobre que não é necessário
5
escovar os dentes com tanta rapidez, tenha certeza, ele virou
 
um homem maduro. Só sendo mesmo muito imaturo para
 
escovar os dentes com tanta pressa.
 
E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo, arrumando-
 
se uma posição menos incômoda, acertando as pontas.
10
[...]
 
Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como
 
nunca. Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a
 
culpa a lhe desviar a atenção.
 
É um homem mais bonito, não resta a menor dúvida.
15
Homem maduro não bebe, vai à praia.
 
Não malha: a malhação denota toda a imaturidade de
 
quem a faz. Curtir o corpo é ligeiramente imaturo.
 
Nada como a maturidade para perceber que os intelectuais
 
de esquerda estão, finalmente, acabando. Restam uns cinco.
20
Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles
 
imaturos.
 
O homem maduro gosta de mulheres imaturas. Fazer o
 
quê?
 
Muda muito de opinião. Essa coisa de ter sempre a mesma
25
opinião, ele já foi assim.
 
[...]
 
Se ninguém segurar, é capaz do homem maduro ficar com
 
mania de apagar as luzes da casa.
 
O homem maduro faz palavras cruzadas!
30
Se você observar bem, ele começa a implicar com horários.
 
A maturidade faz com que ele não possa mais fazer
 
algumas coisas. Se pega pensando: sou um homem maduro.
 
Um homem maduro não pode fazer isso.
 
O homem maduro começa, pouco a pouco, a se irritar com
35
as pessoas imaturas.
 
Depois de um tempo, percebe que está começando é a
 
sentir inveja dos imaturos.
 
Será que os imaturos são mais felizes?, pensa, enquanto
 
começa a escovar os dentes depressa, mais depressa, mais
40
depressa ainda.
 
O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.
 
Meu Deus, o que será de nós, os maduros?
No terceiro parágrafo, o vocábulo destacado em “E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo,” deve ser classificado morfologicamente como:

Questão 4

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
É o que o homem pensa durante anos, enquanto envelhece.
 
Já está perto dos 50 e a pergunta ainda martela. Um dia ele vai
 
amadurecer.
 
Quando um homem descobre que não é necessário
5
escovar os dentes com tanta rapidez, tenha certeza, ele virou
 
um homem maduro. Só sendo mesmo muito imaturo para
 
escovar os dentes com tanta pressa.
 
E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo, arrumando-
 
se uma posição menos incômoda, acertando as pontas.
10
[...]
 
Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como
 
nunca. Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a
 
culpa a lhe desviar a atenção.
 
É um homem mais bonito, não resta a menor dúvida.
15
Homem maduro não bebe, vai à praia.
 
Não malha: a malhação denota toda a imaturidade de
 
quem a faz. Curtir o corpo é ligeiramente imaturo.
 
Nada como a maturidade para perceber que os intelectuais
 
de esquerda estão, finalmente, acabando. Restam uns cinco.
20
Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles
 
imaturos.
 
O homem maduro gosta de mulheres imaturas. Fazer o
 
quê?
 
Muda muito de opinião. Essa coisa de ter sempre a mesma
25
opinião, ele já foi assim.
 
[...]
 
Se ninguém segurar, é capaz do homem maduro ficar com
 
mania de apagar as luzes da casa.
 
O homem maduro faz palavras cruzadas!
30
Se você observar bem, ele começa a implicar com horários.
 
A maturidade faz com que ele não possa mais fazer
 
algumas coisas. Se pega pensando: sou um homem maduro.
 
Um homem maduro não pode fazer isso.
 
O homem maduro começa, pouco a pouco, a se irritar com
35
as pessoas imaturas.
 
Depois de um tempo, percebe que está começando é a
 
sentir inveja dos imaturos.
 
Será que os imaturos são mais felizes?, pensa, enquanto
 
começa a escovar os dentes depressa, mais depressa, mais
40
depressa ainda.
 
O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.
 
Meu Deus, o que será de nós, os maduros?
A oração destacada em “Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como nunca.” (4º§) introduz no período em que se encontra um valor semântico de:

Questão 5

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
É o que o homem pensa durante anos, enquanto envelhece.
 
Já está perto dos 50 e a pergunta ainda martela. Um dia ele vai
 
amadurecer.
 
Quando um homem descobre que não é necessário
5
escovar os dentes com tanta rapidez, tenha certeza, ele virou
 
um homem maduro. Só sendo mesmo muito imaturo para
 
escovar os dentes com tanta pressa.
 
E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo, arrumando-
 
se uma posição menos incômoda, acertando as pontas.
10
[...]
 
Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como
 
nunca. Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a
 
culpa a lhe desviar a atenção.
 
É um homem mais bonito, não resta a menor dúvida.
15
Homem maduro não bebe, vai à praia.
 
Não malha: a malhação denota toda a imaturidade de
 
quem a faz. Curtir o corpo é ligeiramente imaturo.
 
Nada como a maturidade para perceber que os intelectuais
 
de esquerda estão, finalmente, acabando. Restam uns cinco.
20
Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles
 
imaturos.
 
O homem maduro gosta de mulheres imaturas. Fazer o
 
quê?
 
Muda muito de opinião. Essa coisa de ter sempre a mesma
25
opinião, ele já foi assim.
 
[...]
 
Se ninguém segurar, é capaz do homem maduro ficar com
 
mania de apagar as luzes da casa.
 
O homem maduro faz palavras cruzadas!
30
Se você observar bem, ele começa a implicar com horários.
 
A maturidade faz com que ele não possa mais fazer
 
algumas coisas. Se pega pensando: sou um homem maduro.
 
Um homem maduro não pode fazer isso.
 
O homem maduro começa, pouco a pouco, a se irritar com
35
as pessoas imaturas.
 
Depois de um tempo, percebe que está começando é a
 
sentir inveja dos imaturos.
 
Será que os imaturos são mais felizes?, pensa, enquanto
 
começa a escovar os dentes depressa, mais depressa, mais
40
depressa ainda.
 
O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.
 
Meu Deus, o que será de nós, os maduros?
Em “Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles imaturos.”, o termo em destaque exerce a função sintática de:

Questão 6

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 7

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
É o que o homem pensa durante anos, enquanto envelhece.
 
Já está perto dos 50 e a pergunta ainda martela. Um dia ele vai
 
amadurecer.
 
Quando um homem descobre que não é necessário
5
escovar os dentes com tanta rapidez, tenha certeza, ele virou
 
um homem maduro. Só sendo mesmo muito imaturo para
 
escovar os dentes com tanta pressa.
 
E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo, arrumando-
 
se uma posição menos incômoda, acertando as pontas.
10
[...]
 
Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como
 
nunca. Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a
 
culpa a lhe desviar a atenção.
 
É um homem mais bonito, não resta a menor dúvida.
15
Homem maduro não bebe, vai à praia.
 
Não malha: a malhação denota toda a imaturidade de
 
quem a faz. Curtir o corpo é ligeiramente imaturo.
 
Nada como a maturidade para perceber que os intelectuais
 
de esquerda estão, finalmente, acabando. Restam uns cinco.
20
Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles
 
imaturos.
 
O homem maduro gosta de mulheres imaturas. Fazer o
 
quê?
 
Muda muito de opinião. Essa coisa de ter sempre a mesma
25
opinião, ele já foi assim.
 
[...]
 
Se ninguém segurar, é capaz do homem maduro ficar com
 
mania de apagar as luzes da casa.
 
O homem maduro faz palavras cruzadas!
30
Se você observar bem, ele começa a implicar com horários.
 
A maturidade faz com que ele não possa mais fazer
 
algumas coisas. Se pega pensando: sou um homem maduro.
 
Um homem maduro não pode fazer isso.
 
O homem maduro começa, pouco a pouco, a se irritar com
35
as pessoas imaturas.
 
Depois de um tempo, percebe que está começando é a
 
sentir inveja dos imaturos.
 
Será que os imaturos são mais felizes?, pensa, enquanto
 
começa a escovar os dentes depressa, mais depressa, mais
40
depressa ainda.
 
O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.
 
Meu Deus, o que será de nós, os maduros?
1
“Depois de um tempo, percebe que está começando é a sentir
 
inveja dos imaturos.” (17º§)
A presença do verbo “começando” permite ao leitor inferir a seguinte postura do maduro.

Questão 8

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
É o que o homem pensa durante anos, enquanto envelhece.
 
Já está perto dos 50 e a pergunta ainda martela. Um dia ele vai
 
amadurecer.
 
Quando um homem descobre que não é necessário
5
escovar os dentes com tanta rapidez, tenha certeza, ele virou
 
um homem maduro. Só sendo mesmo muito imaturo para
 
escovar os dentes com tanta pressa.
 
E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo, arrumando-
 
se uma posição menos incômoda, acertando as pontas.
10
[...]
 
Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como
 
nunca. Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a
 
culpa a lhe desviar a atenção.
 
É um homem mais bonito, não resta a menor dúvida.
15
Homem maduro não bebe, vai à praia.
 
Não malha: a malhação denota toda a imaturidade de
 
quem a faz. Curtir o corpo é ligeiramente imaturo.
 
Nada como a maturidade para perceber que os intelectuais
 
de esquerda estão, finalmente, acabando. Restam uns cinco.
20
Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles
 
imaturos.
 
O homem maduro gosta de mulheres imaturas. Fazer o
 
quê?
 
Muda muito de opinião. Essa coisa de ter sempre a mesma
25
opinião, ele já foi assim.
 
[...]
 
Se ninguém segurar, é capaz do homem maduro ficar com
 
mania de apagar as luzes da casa.
 
O homem maduro faz palavras cruzadas!
30
Se você observar bem, ele começa a implicar com horários.
 
A maturidade faz com que ele não possa mais fazer
 
algumas coisas. Se pega pensando: sou um homem maduro.
 
Um homem maduro não pode fazer isso.
 
O homem maduro começa, pouco a pouco, a se irritar com
35
as pessoas imaturas.
 
Depois de um tempo, percebe que está começando é a
 
sentir inveja dos imaturos.
 
Será que os imaturos são mais felizes?, pensa, enquanto
 
começa a escovar os dentes depressa, mais depressa, mais
40
depressa ainda.
 
O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.
 
Meu Deus, o que será de nós, os maduros?
A ideia de plural proposta pelo pronome do título não concorda com o termo “maturidade”, mas com as ideias do subtítulo. A “prudência” é uma delas. Seria um exemplo dessa característica a seguinte atitude descrita no texto:

Questão 9

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
É o que o homem pensa durante anos, enquanto envelhece.
 
Já está perto dos 50 e a pergunta ainda martela. Um dia ele vai
 
amadurecer.
 
Quando um homem descobre que não é necessário
5
escovar os dentes com tanta rapidez, tenha certeza, ele virou
 
um homem maduro. Só sendo mesmo muito imaturo para
 
escovar os dentes com tanta pressa.
 
E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo, arrumando-
 
se uma posição menos incômoda, acertando as pontas.
10
[...]
 
Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como
 
nunca. Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a
 
culpa a lhe desviar a atenção.
 
É um homem mais bonito, não resta a menor dúvida.
15
Homem maduro não bebe, vai à praia.
 
Não malha: a malhação denota toda a imaturidade de
 
quem a faz. Curtir o corpo é ligeiramente imaturo.
 
Nada como a maturidade para perceber que os intelectuais
 
de esquerda estão, finalmente, acabando. Restam uns cinco.
20
Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles
 
imaturos.
 
O homem maduro gosta de mulheres imaturas. Fazer o
 
quê?
 
Muda muito de opinião. Essa coisa de ter sempre a mesma
25
opinião, ele já foi assim.
 
[...]
 
Se ninguém segurar, é capaz do homem maduro ficar com
 
mania de apagar as luzes da casa.
 
O homem maduro faz palavras cruzadas!
30
Se você observar bem, ele começa a implicar com horários.
 
A maturidade faz com que ele não possa mais fazer
 
algumas coisas. Se pega pensando: sou um homem maduro.
 
Um homem maduro não pode fazer isso.
 
O homem maduro começa, pouco a pouco, a se irritar com
35
as pessoas imaturas.
 
Depois de um tempo, percebe que está começando é a
 
sentir inveja dos imaturos.
 
Será que os imaturos são mais felizes?, pensa, enquanto
 
começa a escovar os dentes depressa, mais depressa, mais
40
depressa ainda.
 
O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.
 
Meu Deus, o que será de nós, os maduros?
O vocábulo “circunspecção”, também presente no subtítulo, deve ser entendido como sinônimo de:

Questão 10

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
É o que o homem pensa durante anos, enquanto envelhece.
 
Já está perto dos 50 e a pergunta ainda martela. Um dia ele vai
 
amadurecer.
 
Quando um homem descobre que não é necessário
5
escovar os dentes com tanta rapidez, tenha certeza, ele virou
 
um homem maduro. Só sendo mesmo muito imaturo para
 
escovar os dentes com tanta pressa.
 
E o amarrar do sapato pode ser mais tranquilo, arrumando-
 
se uma posição menos incômoda, acertando as pontas.
10
[...]
 
Não sente culpa de nada. Mas, se sente, sofre como
 
nunca. Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a
 
culpa a lhe desviar a atenção.
 
É um homem mais bonito, não resta a menor dúvida.
15
Homem maduro não bebe, vai à praia.
 
Não malha: a malhação denota toda a imaturidade de
 
quem a faz. Curtir o corpo é ligeiramente imaturo.
 
Nada como a maturidade para perceber que os intelectuais
 
de esquerda estão, finalmente, acabando. Restam uns cinco.
20
Sorri tranquilo quando pensa que a pressa é coisa daqueles
 
imaturos.
 
O homem maduro gosta de mulheres imaturas. Fazer o
 
quê?
 
Muda muito de opinião. Essa coisa de ter sempre a mesma
25
opinião, ele já foi assim.
 
[...]
 
Se ninguém segurar, é capaz do homem maduro ficar com
 
mania de apagar as luzes da casa.
 
O homem maduro faz palavras cruzadas!
30
Se você observar bem, ele começa a implicar com horários.
 
A maturidade faz com que ele não possa mais fazer
 
algumas coisas. Se pega pensando: sou um homem maduro.
 
Um homem maduro não pode fazer isso.
 
O homem maduro começa, pouco a pouco, a se irritar com
35
as pessoas imaturas.
 
Depois de um tempo, percebe que está começando é a
 
sentir inveja dos imaturos.
 
Será que os imaturos são mais felizes?, pensa, enquanto
 
começa a escovar os dentes depressa, mais depressa, mais
40
depressa ainda.
 
O homem maduro é de uma imaturidade a toda prova.
 
Meu Deus, o que será de nós, os maduros?
No quarto parágrafo, o pronome destacado em “Mas já é capaz de assistir à sessão da tarde sem a culpa a lhe desviar a atenção.” cumpre um papel coesivo à medida que retoma a seguinte ideia:

Questão 11

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Numa pesquisa sobre a preferência entre dois esportes, chegou-se ao seguinte resultado: 130 (cento e trinta) gostavam de vôlei, 85 (oitenta e cinco) gostavam de vôlei e basquete e 70 (setenta) gostavam de somente um dos dois. Se todos os entrevistados escolheram pelo menos um dos esportes, então o total de pessoas que gostam somente de basquete é de:

Questão 12

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Mara leu 1/5 das páginas de um livro numa semana. Na segunda semana, leu mais 2/3 de páginas. Se ainda faltam ler 60 (sessenta) páginas do livro, então o total de páginas do livro é de:

Questão 13

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Ao comprar um produto, José obteve um desconto de 12% (doze por cento) por ter pago à vista e pagou o valor de R$ 105,60 (cento e cinco reais e sessenta centavos). Nessas condições, o valor do produto, sem desconto, é igual a:

Questão 14

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Seja a proposição P: 20% de 40% = 8% e a proposição Q: Se ¾ do salário de João é R$ 720,00, então o salário de João é maior que R$ 1000,00. Considerando os valores lógicos das proposições P e Q, podemos afirmar que:

Questão 15

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
A frase “O atleta venceu a corrida ou a prova foi cancelada” de acordo com a lógica proposicional é equivalente à frase:

Questão 16

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
O Decreto nº 7.661, de 28 de dezembro de 2011 que aprova o Estatuto Social da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares –EBSERH, determina as regras para composição do Conselho de Administração.
Analise as alternativas abaixo e assinale a correta.

Questão 17

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
A Lei Federal nº 12.550, de 15 de dezembro de 2011 determina que a EBSERH, respeitado o princípio da autonomia universitária, poderá prestar os serviços relacionados às suas competências mediante contrato com as instituições federais de ensino ou instituições congêneres. Em seu art. 6º a legislação especifica quais são as instituições congêneres. Analise as alternativas abaixo e assinale a que aponta corretamente essa especificação.

Questão 18

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
O Regimento Interno da EBSERH - Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares – determina as competências da Chefia de Gabinete da Diretoria Vice-Presidência Executiva. Considerando as atribuições que lhe são determinadas, assinale a alternativa INCORRETA.

Questão 19

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
O Regimento Interno da EBSERH - Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares – para cumprimento de suas competências legais determina expressamente a sua estrutura de governança. Para tanto, divide-a em Órgãos de Administração, Órgão de Fiscalização e Comissões e Comitês e especifica a composição de cada um. No que diz respeito aos Comitês, assinale a alternativa INCORRETA.

Questão 20

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Conforme disposição do Decreto nº 7.661, de 28 de dezembro de 2011 que aprova o Estatuto Social da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares –EBSERH – o Conselho de Administração reunir-se-á, mensalmente e extraordinariamente, e as deliberações do Conselho serão tomadas, respeitando o quórum expressamente determinado. Assinale abaixo a alternativa que aponta o quórum correto.

Questão 21

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
O Pacto pela Saúde (2006) foi um marco importante na organização do Sistema Único de Saúde. Um de seus componentes foi o Pacto pela Vida, que definiu entre suas prioridades o fortalecimento da capacidade de resposta às doenças emergentes e endemias.
Considerando essas doenças, assinale a alternativa que contém aquela que não foi citada nessa prioridade pactuada:

Questão 22

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Considerando a lei 8080/90, no que tange à Saúde do Trabalhador, analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta:

I. O texto da lei abrange participação, no âmbito de competência do Sistema Único de Saúde-SUS, em estudos, pesquisas, avaliação e controle dos riscos e agravos potenciais à saúde existentes no processo de trabalho.
II. O texto da lei prevê a avaliação do impacto que as tecnologias provocam à saúde.
III. O texto da lei não prevê a garantia, ao sindicato dos trabalhadores, de requerer ao órgão competente a interdição de máquina, de setor de serviço ou de todo o ambiente de trabalho, quando houver exposição a risco iminente para a vida ou saúde dos trabalhadores.

Questão 23

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
A universalidade de acesso aos serviços de saúde em todos os níveis de assistência é um dos princípios do SUS. O decreto presidencial 7508 de 2011 expressa que: o acesso universal, igualitário e ordenado às ações e serviços de saúde se inicia:

Questão 24

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
O modelo de Dahlgren e Whitehead dispõe os determinantes sociais de Saúde em diferentes camadas, segundo seu nível de abrangência, desde uma camada mais próxima aos determinantes individuais (exemplos: idade e sexo) até a camada mais distal, em que se situam:

Questão 25

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Segundo a resolução 453 de 2012 do Conselho Nacional de Saúde, nos Municípios onde não existam entidades, instituições e movimentos organizados em número suficiente para compor o Conselho, a representação será:

Questão 26

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
A Constituição Federal especifica a competência legislativa de cada ente da Federação. Analise as alternativas abaixo e selecione a que NÃO apresenta uma das competências privativas da União.

Questão 27

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
No título que trata sobre a organização do Estado, a Constituição Federal, no tocante aos municípios, especifica que este reger-se-á por lei orgânica, votada em dois turnos, com o interstício mínimo de dez dias, e aprovada por dois terços dos membros da Câmara Municipal, que a promulgará. Também discrimina a composição dessas Câmaras Municipais, considerando a quantidade de habitantes de cada local. Analise as alternativas abaixo e selecione a que aponta a proporção CORRETA.

Questão 28

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
A Constituição Federal ao minudenciar o capítulo que trata da Administração Pública declara, em seu caput, que esta, de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência. Já no que diz respeito aos atos de improbidade administrativa, a Constituição Federal especifica, expressamente, as sanções em caso de ocorrência desses atos. Considerando essas informações, assinale a alternativa que apresenta a informação CORRETA, em conformidade com a Constituição Federal.

Questão 29

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Com relação às atribuições conferidas pela Constituição Federal ao Conselho Nacional de Justiça, assinale a alternativa que NÃO apresenta uma dessas atribuições.

Questão 30

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
A Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993, que institui normas para licitações e contratos da Administração Pública, apresenta, expressamente, as hipóteses em que é dispensável a licitação. Assinale abaixo a alternativa que NÃO contempla uma das possibilidades de dispensa.

Questão 31

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
A Lei 8.666 de 21 de junho de 1993, especifica, expressamente, os motivos para rescisão contratual. Analise os itens abaixo e selecione a alternativa CORRETA.

I. Subcontratação total ou parcial do seu objeto, a associação do contratado com outrem, a cessão ou transferência, total ou parcial, bem como a fusão, cisão ou incorporação, não admitidas no edital e no contrato.
II. Razões de interesse público, de alta relevância e amplo conhecimento, justificadas e determinadas pela máxima autoridade da esfera administrativa a que está subordinado o contratante e exaradas no processo administrativo a que se refere o contrato.
III. A suspensão de sua execução, por ordem escrita da Administração, por prazo superior a 150 (cento e cinquenta) dias, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, ou ainda por repetidas suspensões que totalizem o mesmo prazo, independentemente do pagamento obrigatório de indenizações pelas sucessivas e contratualmente imprevistas desmobilizações e mobilizações e outras previstas, assegurado ao contratado, nesses casos, o direito de optar pela suspensão do cumprimento das obrigações assumidas até que seja normalizada a situação.
IV. O atraso superior a 90 (noventa) dias dos pagamentos devidos pela Administração decorrentes de obras, serviços ou fornecimento, ou parcelas destes, já recebidos ou executados, salvo em caso de calamidade pública, grave perturbação da ordem interna ou guerra, assegurado ao contratado o direito de optar pela interrupção do cumprimento de suas obrigações.

Questão 32

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 33

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 34

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
No que diz respeito ao prazo de prescrição o Código Civil determina expressamente algumas situações e em que prazo ocorrerá a prescrição. Leia as alternativas a seguir a assinale a que apresenta a informação CORRETA sobre o prazo prescricional de 01 (um) ano.

Questão 35

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
De acordo com o previsto expressamente no Código Civil, Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002, especificamente sobre o Direito das Obrigações, assinale a alternativa INCORRETA.

Questão 36

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
O Código Civil - Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002-, especificamente no capítulo que trata da invalidade do negócio jurídico, aponta, expressamente, as hipóteses de nulidade absoluta. Avalie as alternativas abaixo e assinale a CORRETA.

Questão 37

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
O Código Civil de 2002 (Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002) no Título Das Pessoas Jurídicas, declara que para criar uma fundação, o seu instituidor fará, por escritura pública ou testamento, dotação especial de bens livres, especificando o fim a que se destina, e declarando, se quiser, a maneira de administrá-la. Também determina quais são os fins possíveis para essa constituição. Analise as afirmativas abaixo, dê valores Verdadeiro (V) ou Falso (F).

( ) Assistência social
( ) Pesquisa científica, desenvolvimento de tecnologias alternativas, modernização de sistemas de gestão, produção e divulgação de informações e conhecimentos técnicos e científicos
( ) Defesa, preservação e conservação do meio ambiente e promoção do desenvolvimento sustentável
( ) Habitação de interesse social

Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta de cima para baixo.

Questão 38

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
De acordo com o Código Civil de 2002 (Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002) avalie as alternativas abaixo, no tocante aos bens principais e os bens acessórios, e assinale a INCORRETA.

Questão 39

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado

» Esta questão foi anulada pela banca.
No tocante a formação dos contratos o Código Civil - Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002 – estabelece que a proposta de contrato obriga o proponente, se o contrário não resultar dos termos dela, da natureza do negócio, ou das circunstâncias do caso. Em contrapartida esclarece que essa obrigatoriedade deixa de existir em determinadas situações. Assinale abaixo a alternativa CORRETA no tocante a essas exceções.

Questão 40

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Em conformidade com o que dispõe o DECRETOLEI N.º 5.452, DE 1º DE MAIO DE 1943 que aprova a Consolidação das Leis do Trabalho, assinale a alternativa que apresenta a informação CORRETA no que diz respeito ao trabalho realizado por menor de 18 anos.

Questão 41

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Em conformidade com o disposto na Consolidação das Leis Trabalhistas, no tocante aos Acordos Coletivos. Analise as alternativas a seguir e assinale a INCORRETA.

Questão 42

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Em relação ao Embargos de Execução a Consolidação das Leis Trabalhistas restringe a matéria de defesa de forma expressa. Assinale a alternativa CORRETA no tocante a esta restrição.

Questão 43

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
No que diz respeito a jurisdição e competência da justiça do trabalho, considere o expressamente previsto na Consolidação das Leis Trabalhistas e assinale a alternativa INCORRETA.

Questão 44

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Considerando o delineado na Consolidação das Leis Trabalhistas sobre o Rito Sumaríssimo analise as alternativas abaixo e assinale a INCORRETA.

Questão 45

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
No tocante ao Recurso de Revista da Justiça do Trabalho, avalie as alternativas abaixo e assinale a INCORRETA.

Questão 46

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
De acordo com as novas regras do Código de Processo Civil – Lei nº. 13.105, de 16 de março de 2015 - os juízes e os tribunais atenderão, preferencialmente, à ordem cronológica de conclusão para proferir sentença ou acórdão, porém especifica algumas exceções a essa regra. Dentre as alternativas abaixo, aponte a que NÃO corresponde a uma dessas exceções.

Questão 47

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Em consonância com o código de Processo Civil no que diz respeito as nulidades é INCORRETO afirmar que:

Questão 48

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Sobre os recursos no Código de Processo Civil (Lei nº 13.105 de 16 de março de 2015) assinale a alternativa INCORRETA.

Questão 49

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Em conformidade com o disposto no Código de Processo Civil (Lei nº 13.105 de 16 de março de 2015), especificamente sobre o procedimento especial de ação de dissolução parcial de sociedade, avalie as alternativas abaixo e assinale a CORRETA no tocante à capacidade postulatória para ajuizamento.

Questão 50

EBSERH/HUPEST/UFSC 2016 - IBFC - Advogado
Ao tratar das diversas espécies de execução o Código de Processo Civil determina o que incumbe ao exequente na propositura da ação. Avalie as alternativas abaixo e assinale a INCORRETA.



Provas de Concursos » Ibfc 2016