×
Analista de Finanças e Controle - Desenvolvimento de Sistemas de Informação Analista de Finanças e Controle - Correição Técnico de Finanças e Controle Analista de Finanças e Controle - Desenvolvimento Institucional Analista de Finanças e Controle - Estatística e Cálculos Atuariais Analista de Finanças e Controle - Infraestrutura de TI Analista de Finanças e Controle - Prevenção da Corupção Analista de Finanças e Controle - Saúde Analista de Finanças e Controle - Obras Públicas
×
CGU 2012

CGU 2008

Analista de Finanças e Controle - Controle Interno

Questão 1

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção que esteja em consonância com os direitos e deveres individuais e coletivos assegurados pela Constituição.

Questão 2

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A República Federativa do Brasil possui fundamentos e as relações internacionais do País devem ser regidas por princípios. Assinale a única opção que contempla um fundamento da República e um princípio que deve reger as relações internacionais do Brasil.

Questão 3

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O Estado brasileiro também é regido por um princípio de estatura constitucional que visa a impedir que sejam frustrados os direitos políticos, sociais, culturais e econômicos já concretizados, tanto na ordem constitucional como na infraconstitucional, em atenção aos objetivos da República Federativa do Brasil, que são os de promover o bem de todos, sem quaisquer formas de discriminação, constituir uma sociedade livre, justa e solidária, erradicar a pobreza e a marginalização, reduzir as desigualdades sociais e regionais e promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação. Assinale a opção que denomina com exatidão o princípio constitucional descrito.

Questão 4

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção correta relativa à organização político-administrativa da República Federativa do Brasil, segundo as normas da Constituição de 1988.

Questão 5

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção que contempla competências materiais comuns da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.

Questão 6

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção que contempla princípios aos quais deve obedecer a administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.

Questão 7

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção que contempla normas reguladoras do Poder Legislativo previstas na Constituição.

Questão 8

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Leia o trecho a seguir, que retrata situação ocorrida na vigência da Constituição Federal de 1946, e, depois, assinale a única opção correta relativa ao Poder Executivo segundo as normas da Constituição de 1988: “Abertas as urnas, Jânio Quadros venceu a corrida presidencial com 5.626.623 votos (48%), contra 3.846.825 de Lott (28%) e 2.195.709 (23%) de Adhemar de Barros. Mas seu companheiro de chapa, Milton Campos, apesar de ter recebido 4.237.719 votos (36%), perdeu para João Goulart, que foi novamente eleito vice-presidente com 4.547.010 votos (39%).” (Fábio Koifman [Org.]. Presidentes do Brasil: de Deodoro a FHC. Rio de Janeiro: Rio, 2002, p. 547).

Questão 9

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção incorreta relativa à fiscalização contábil, financeira e orçamentária.

Questão 10

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção incorreta relativa ao Poder Judiciário.

Questão 11

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção incorreta relativa ao Ministério Público.

Questão 12

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção correta relativa ao Sistema Tributário Nacional.

Questão 13

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção correta relativa às Finanças e ao Orçamento Público.

Questão 14

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção incorreta relativa às políticas públicas na Constituição de 1988.

Questão 15

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a única opção correta relativa aos Poderes, as respectivas funções e à organização do Estado brasileiro, considerando a supremacia da Constituição Federal.

Questão 16

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Quanto à aplicação de princípios constitucionais em processos administrativos, é entendimento pacificado no Supremo Tribunal Federal, constituindo súmula vinculante para toda a administração e tribunais inferiores, que, nos processos perante o Tribunal de Contas da União, asseguram-se o contraditório e a ampla defesa

Questão 17

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Decorrente da presença do poder hierárquico na Administração, afigura-se a questão da competência administrativa e sua delegação. Sobre o tema é correto afirmar, exceto:

Questão 18

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Em uma licitação na modalidade pregão, na forma eletrônica, o pregoeiro um dia antes da abertura constatou um vício no edital. A alteração necessária implicou alteração na formulação das propostas.

Diante das circunstâncias, a autoridade superior recomendou-lhe que republicasse a licitação da mesma forma que a publicação original. A recomendação da autoridade superior se deu para que houvesse a observância do princípio da:

Questão 19

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre os contratos administrativos, é correto afirmar que:

Questão 20

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Determinada repartição militar teve parte de suas unidades operacionais e parte do prédio da administração destruídas em razão de uma explosão em seu centro de munição. Em decorrência da explosão, verificou-se que diversos equipamentos bélicos e pólvoras ficaram expostos ao tempo, sofrendo risco de perecimento. Diante da urgência, decidiu-se realizar a contratação por emergência para recuperação de todas as instalações da unidade. Cabe ressaltar que a assessoria jurídica do órgão alertou os servidores envolvidos para o fato de que a contratação emergencial somente poderia ser utilizada para resguardar a integridade e segurança de bens e pessoas.

Diante da situação exposta, assinale a opção correta.

Questão 21

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A respeito das necessidades temporárias de excepcional interesse público é correto afirmar, exceto:

Questão 22

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Considere as seguintes assertivas a respeito dos servidores da Administração Pública, nos termos da Constituição:

I. os vencimentos dos cargos do Poder Executivo e Legislativo não poderão ser superiores aos pagos pelo Poder Judiciário.

II. o prazo de validade do concurso público será de até dois anos, prorrogável uma vez, por igual período.

III. é garantido ao servidor público civil e militar o direito à livre associação sindical.

IV. a administração fazendária e seus servidores fiscais terão, dentro de suas áreas de competência e jurisdição, precedência sobre os demais setores administrativos, na forma da lei.

Assinale a opção correta.

Questão 23

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
São formas de provimento de cargo público, exceto:

Questão 24

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A respeito do processo administrativo disciplinar, é correto afirmar que:

Questão 25

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre o regime de concessão e permissão da prestação de serviços públicos é correto afirmar:

Questão 26

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Parceria público-privada - PPP é o contrato administrativo de concessão, na modalidade patrocinada ou administrativa. Sobre a PPP é correto afirmar:

Questão 27

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre as contratações de consórcios públicos é correto afirmar que:

Questão 28

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre as Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público - OSCIP, julgue as assertivas a seguir:

I. a outorga da qualificação como OSCIP é ato discricionário.

II. as entidades de beneficio mútuo destinadas a proporcionar bens ou serviços a um círculo restrito de associados ou sócios são passíveis de qualificação como OSCIP prevista na lei.

III. a promoção da segurança alimentar e nutricional é uma das finalidades exigidas para a qualificação como OSCIP, instituída pela lei.

IV. as organizações sociais são passíveis de qualificação como OSCIP.

V. as fundações, sociedades civis ou associações de direito privado criadas por órgão público ou por fundações públicas não poderão ser qualificadas como OSCIP.

Assinale a opção correta.

Questão 29

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A respeito do instituto da cessão, a Lei n. 9.636, de 15 de maio de 1998, em seu art. 18 dispõe que: imóveis da União poderão ser cedidos a critério do Poder Executivo, gratuitamente ou em condições essenciais, sob qualquer dos regimes previstos no Decreto-lei n. 9.760, de 1946.

Quanto à cessão de bens públicos, é correto afirmar que a competência para autorizar a cessão de que trata o dispositivo supra

Questão 30

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Assinale a opção correta, no que tange aos processos administrativos.

Questão 31

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O Orçamento é um dos principais instrumentos da política fiscal do governo e traz consigo estratégias para o alcance dos objetivos das políticas. Das afirmações a seguir, assinale a que não se enquadra nos objetivos da política orçamentária ou nas funções clássicas do orçamento.

Questão 32

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
No Brasil, para que o controle orçamentário se tornasse mais eficaz, ao longo dos anos, tornou-se necessário estabelecer alguns princípios que orientassem a elaboração e a execução do orçamento.

Assim, foram estabelecidos os chamados “Princípios Orçamentários”, que visam estabelecer regras para elaboração e controle do Orçamento. No tocante aos Princípios Orçamentários, indique a opção correta.

Questão 33

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
De acordo com a Constituição Federal, foi reservada à Lei de Diretrizes Orçamentárias a função de:

Questão 34

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A Lei de Responsabilidade Fiscal - LRF instituiu mecanismos mais rigorosos para a administração das finanças nas três esferas de governo e funciona como um código de conduta para os administradores públicos, que devem obedecer às normas e limites estabelecidos na lei. Com base na Lei de Responsabilidade Fiscal, assinale a opção incorreta.

Questão 35

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A Constituição Federal instituiu o Plano Plurianual - PPA e a Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar n. 101/2000) ratificou sua obrigatoriedade para todos os entes da federação. De acordo com a Constituição e os últimos planos aprovados para o governo federal, indique a opção incorreta.

Questão 36

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Com a publicação da Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar n. 101/2000), a Lei de Diretrizes Orçamentárias - LDO assumiu novas prerrogativas, entre as quais a de apresentar o Anexo de Metas Fiscais – AMF e o Anexo de Riscos Fiscais – ARF.

Em relação ao AMF e ARF não se pode afirmar:

Questão 37

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Das afirmações a seguir relacionadas com a Lei Orçamentária Anual - LOA, assinale a que não se enquadra nas regras estabelecidas na legislação federal.

Questão 38

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A LRF estabelece a obrigatoriedade do Poder Executivo elaborar a programação financeira e o cronograma de execução mensal de desembolso e, quando for o caso, poderá ser promovida a limitação de empenho e de movimentação financeira. No que se refere a esses procedimentos, assinale a opção correta.

Questão 39

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Ao longo do exercício financeiro, pode ocorrer a necessidade de abertura de créditos adicionais para cobrir despesas não-computadas ou insuficientemente dotadas. Com base na legislação vigente, relativa a esse assunto, identifique a opção incorreta.

Questão 40

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Considerando a premissa constitucional de elaboração do Plano Plurianual – PPA, o Governo Federal desde 1998 vem adotando ações no sentido de organizar a forma de elaboração e gestão do PPA e consolidou conceitos em relação ao Ciclo de Gestão do PPA. Segundo o previsto na legislação federal, indique a opção correta.

Questão 41

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre os conceitos e classificações relacionados com Receita Pública, assinale a opção correta.

Questão 42

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre os conceitos e classificações relacionados com Despesa Pública, assinale a opção correta.

Questão 43

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A execução da receita orçamentária segue algumas etapas consubstanciadas nas ações desenvolvidas e percorridas pelos órgãos e pelas repartições encarregados de executá-las respeitando-se o princípio do caixa único ou da unidade de tesouraria. Em relação a esse tema e tendo por base a legislação federal e o disposto na 4ª edição do Manual de Receitas Públicas, instituído pela Portaria STN/SOF n. 2 , de 08 de agosto de 2007, marque a opção correta.

Questão 44

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A Despesa Pública segue um ordenamento jurídico, com requisitos que precisam ser atendidos em uma seqüência específica, predeterminada e ordenada.

No que diz respeito a esse assunto, julgue os itens que se seguem e marque a opção que corresponde à ordem correta.

I. É vedada a realização da despesa sem prévio empenho, mas em casos especiais, previstos na legislação específica, poderá ser dispensada a emissão da nota de empenho.

II. Ao final do exercício, não será anulado o empenho da despesa cujo contrato estabelecer como data-limite, para a entrega do serviço, dia 31 de março.

III. As despesas de exercícios encerrados, para as quais o orçamento respectivo consignava créditos próprios, com saldo suficiente para atendê-las, que não tenha sido processadas, na época própria, e cuja obrigação tenha sido cumprida pelo credor, deverão ser inscritas em Restos a Pagar do exercício e pagas como tal.

IV. O empenho da despesa não poderá exceder o limite dos créditos concedidos, exceto no caso de créditos extraordinários.

V. Entre os estágios da despesa orçamentária, é somente na liquidação que se reconhece a obrigação a pagar.

Questão 45

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Existem ocorrências especiais na execução da despesa pública, tais como os restos a pagar. No que diz respeito a esse assunto, julgue os itens que se seguem e marque a opção que corresponde à seqüência correta.

I. Compreendem somente despesas empenhadas, liquidadas ou não, e não-pagas até o final do exercício.

II. O pagamento da despesa inscrita em Restos a Pagar independe de autorização orçamentária.

III. A despesa empenhada e liquidada é passível de inscrição em Restos a Pagar - Processados, enquanto as despesas empenhadas, mas não-liquidadas, somente são passíveis de inscrição em Restos a Pagar - Não-Processados, se forem atendidas determinadas condições.

IV. O superávit financeiro do exercício deve ser reservado preferencialmente para pagamento de Restos a Pagar.

V. As dívidas de exercícios anteriores, reconhecidas na forma da legislação pelo ordenador de despesa e que não foram pagas no exercício deverão ser inscritas como Restos a Pagar.

Questão 46

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre o tema ‘controle externo’, nos termos da Constituição Federal, é correto afirmar que:

Questão 47

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Acerca da natureza, competência e jurisdição do Tribunal de Contas da União (TCU), segundo sua Lei Orgânica, é correto afirmar que:

Questão 48

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Nos termos da Lei Orgânica do TCU, a autoridade administrativa competente, sob pena de responsabilidade solidária, visando à apuração dos fatos, identificação dos responsáveis e quantificação do dano, deverá imediatamente adotar providências com vistas à instauração da Tomada de Contas Especial diante dos seguintes casos, exceto:

Questão 49

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
De acordo com a Lei n. 10.180/01, são de competência dos órgãos e unidades do Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal as seguintes ações, exceto:

Questão 50

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Nos termos do Decreto n. 3.591/00, as atividades a cargo do Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal destinam-se, preferencialmente, a subsidiar:

Questão 51

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
De acordo com a IN SFC/MF n. 001/2001, tem-se como correto que a circularização de informações confere suporte básico ao procedimento da seguinte técnica de auditoria:

Questão 52

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Nos termos da IN SFC/MF n. 001/2001, assim como as auditorias, as fiscalizações podem ser realizadas sob as seguintes formas, exceto:

Questão 53

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O servidor do Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal, no decorrer de qualquer atividade, deve prestar especial atenção àquelas transações ou situações que denotem indícios de irregularidades.

Acerca do tema ‘impropriedades e irregularidades’, nos termos da IN SFC/MF n. 001/2001, é correto afirmar que:

Questão 54

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
No âmbito do Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal, segundo a IN SFC/MF n. 001/2001, a mensuração de indicativos e indicadores que expressam a variação positiva da relação custo/benefício, na qual se busca a otimização dos resultados na escolha dos menores custos em relação aos maiores benefícios, revelando a atenção da gestão com o bom uso qualitativo dos recursos financeiros, desde a adequação da proposta orçamentária das metas a serem atingidas, passando pela coerência com respeito aos preços de mercado, o desenvolvimento de fontes alternativas de receita e a obtenção dos menores custos por produto gerado, permite aferir a

Questão 55

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Para a IN SFC/MF n. 001/2001, no decorrer do processo de planificação dos trabalhos de controle, o conceito de materialidade refere-se

Questão 56

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Em suas incursões sobre o controle interno administrativo, segundo a IN SFC/MF n.º 001/2001, o servidor do Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal deve ter em mente que:

Questão 57

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
De acordo com a IN SFC/MF n. 001/2001, é correto afirmar que estão sujeitos à

Questão 58

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Segundo a IN SFC/MF n. 001/2001, o planejamento das ações de controle adotado no Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal divide-se em quatro grandes tópicos, com a seguinte estrutura, exceto:

Questão 59

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
De acordo com a IN SFC/MF n. 001/2001, a opinião do Órgão ou Unidade de Controle Interno do Poder Executivo Federal deve ser expressa por meio dos seguintes instrumentos, exceto:

Questão 60

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Segundo a IN SFC/MF n. 001/2001, o documento que representa a opinião do Sistema de Controle Interno sobre a exatidão e regularidade, ou não, da gestão e a adequacidade, ou não, das peças examinadas, devendo ser assinado pelo Coordenador-Geral ou Gerente Regional de Controle Interno, ou ainda, por autoridades de nível hierárquico equivalentes nos órgãos e unidades setoriais do Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Federal, denomina-se:

Questão 61

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
À medida que as técnicas de planejamento e orçamento foram evoluindo, diferentes tipos de orçamento foram experimentados, cada um com características específicas. Com relação a esse assunto, marque a opção incorreta.

Questão 62

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A 4ª edição do Manual de Receitas Públicas, instituído pela Portaria STN/SOF n. 2, de 08 de agosto de 2007, estabelece para todos os entes da federação a classificação por Destinação da Receita, que tem uma correlação com a classificação por fonte de recursos. No que se refere à classificação estabelecida pelo Manual, indique a opção incorreta.

Questão 63

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Suponha os seguintes dados extraídos do Anexo de Metas Fiscais-AMF do Governo Federal:


Os dados consideram a metodologia de apuração de Resultados Fiscais, sob a ótica “acima da linha”, utilizada no Brasil. De acordo com os dados e a metodologia de apuração das Necessidades de Financiamento do Setor Público, marque a opção correta.

Questão 64

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Considere os seguintes dados de receitas e despesas constantes da proposta orçamentária de um determinado ente da federação (valores em mil):



Com base nos dados apresentados, marque a opção correta.

Questão 65

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A Administração Pública necessita, em determinadas situações, utilizar-se de sistemática especial, conhecida como Suprimento de Fundos, para realizar despesas que, por sua natureza ou urgência, não possam aguardar o processamento normal da execução orçamentária. No que diz respeito a esse assunto, julgue os itens que se seguem e marque, com V para os verdadeiros e F para os falsos, a opção que corresponde à seqüência correta.

I. O servidor que receber suprimento de fundos fica obrigado a prestar contas de sua aplicação procedendo-se, automaticamente, a tomada de contas se não o fizer no prazo assinalado.

II. Poderá ser concedido suprimento de fundos nos casos em que a despesa deva ser feita em caráter sigiloso, conforme se classificar em regulamento.

III. Não é permitida a concessão de suprimento de fundos para servidor que tenha a seu cargo a guarda ou utilização do material a adquirir, salvo quando não houver na repartição outro servidor.

IV. A autorização para concessão de suprimento de fundos cabe ao Ministro de Estado ou autoridade equivalente.

V. Na execução da despesa por meio de suprimento de fundos, o empenho é emitido após a prestação de contas do suprido, pois nesse momento tem-se a identificação da despesa realizada.

Questão 66

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
São consideradas etapas da execução orçamentária e financeira, os ingressos de recursos na conta única do Tesouro e as descentralizações de créditos e recursos entre as unidades integrantes do Siafi .

No que diz respeito ao assunto, julgue os itens que se seguem e marque, com V para os verdadeiros e F para os falsos, a opção que corresponde à seqüência correta.

I. A unidade gestora que recebe créditos orçamentários por descentralização, sob a forma de destaque, receberá os recursos financeiros sob a forma de repasse.

II. A unidade gestora que descentralizou créditos orçamentários por meio de provisão receberá os recursos financeiros sob a forma de sub-repasse.

III. A descentralização de recursos é realizada no Siafi por meio da Nota de Programação Financeira, que é o documento utilizado para registrar e contabilizar as etapas da programação financeira.

IV. A Guia de Recolhimento da União - GRU é documento utilizado para efetuar todo e qualquer depósito na conta única do Tesouro, excetuadas as receitas recolhidas mediante a Guia de Previdência Social – GPS e por meio do Documento de Arrecadação de Receitas Federais - DARF.

V. A Secretaria do Tesouro Nacional permite que autarquias, fundos e fundações públicas que contarem com autorização legislativa específica efetuem aplicações financeiras diárias na conta única.

Questão 67

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A classificação funcional e a estrutura programática visam ao fornecimento de informações das realizações do governo e é considerada a mais moderna das classifi cações orçamentárias da despesa. A junção das duas, quando da execução da despesa no Siafi , forma o Programa de Trabalho com a seguinte estrutura:
Programa de Trabalho: AA.BBB.CCCC.DDDD.EEEE

Com relação ao assunto, indique a opção correta.

Questão 68

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre os enunciados dos Princípios Fundamentais de Contabilidade, estabelecidos na Resolução n. 750/1993, são apresentadas as seguintes assertivas:

I. desde que tecnicamente estimável, o registro das variações patrimoniais deve ser feito, de imediato e com a extensão correta, independentemente das causas que as originaram, mesmo na hipótese de somente existir razoável certeza de sua ocorrência.

II. após sua integração ao patrimônio, o bem, direito ou obrigação não poderão ter alterados seus valores intrínsecos, admitindo-se, tão-somente, sua reavaliação e atualização monetária e a decomposição em elementos e/ou sua agregação, parcial ou integral, a outros elementos do patrimônio líquido.

III. consideram-se realizadas as receitas sempre que houver a extinção, parcial ou total, de um passivo, qualquer que seja o motivo, sem o desaparecimento concomitante de um ativo de valor igual ou maior.

IV. quando da classificação e avaliação das mutações patrimoniais, quantitativas e qualitativas, devem ser consideradas a continuidade ou não da entidade, bem como sua vida definida ou provável, pois influencia o valor econômico dos ativos e, em muitos casos, o valor ou o vencimento dos passivos, especialmente quando a extinção da entidade tem prazo determinado, previsto ou previsível.

V. quando se apresentarem opções igualmente aceitáveis diante dos demais Princípios Fundamentais de Contabilidade, deve-se escolher a hipótese de que resulte menor patrimônio líquido.

Considerando que a seqüência das assertivas apresentadas não guarda necessariamente correlação com a seqüência das opções apresentadas, das assertivas apresentadas, a única incorreta é aquela que se refere ao Princípio da (do):

Questão 69

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Com base nos critérios de avaliação de ativos e passivos, julgue os itens que se seguem e marque, com V para os verdadeiros e F para os falsos, a opção que corresponde à seqüência correta.

I . Os direitos e títulos de crédito, e quaisquer valores mobiliários não classificados como investimentos, serão avaliados, pelo custo de aquisição ou pelo valor de mercado, se este for menor.

II. Os elementos do ativo decorrentes de operações de longo prazo serão ajustados a valor presente, sendo os demais ajustados quando houver efeito relevante.

III. A diminuição do valor dos elementos dos ativos imobilizado, intangível e diferido será registrada periodicamente nas contas de: Depreciação, Amortização e Exaustão.

IV. As obrigações, encargos e riscos classificados no passivo exigível a longo prazo serão ajustados ao seu valor presente, sendo os demais ajustados quando houver efeito relevante.

V. Os estoques de mercadorias fungíveis destinadas à venda poderão ser avaliados pelo valor de mercado, quando esse for o costume mercantil aceito pela técnica contábil.

Questão 70

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Ao longo da existência de uma entidade, vários fatos podem acontecer e que refletem no patrimônio desta de forma positiva ou negativa. Em relação aos fatos contábeis e suas respectivas variações no patrimônio, julgue os itens que se seguem e marque a opção incorreta.

Questão 71

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A Ciência Contábil estabeleceu diversas teorias doutrinárias sobre as formas de classificar os componentes do sistema contábil, que são denominadas “Teorias das Contas”. Sobre o assunto, indique a opção incorreta.

Questão 72

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O Balancete de Verificação de uma empresa apresenta as seguintes contas e respectivos saldos ao final do exercício social (31.12.20X8):



Com base nos dados acima e nas regras de apuração de resultado, pode-se afirmar que:

Questão 73

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Em relação a estrutura, conteúdo e classificação das contas patrimoniais, julgue os itens que se seguem e marque, com V para os verdadeiros e F para os falsos, a opção que corresponde à seqüência correta.

I. No ativo, as contas serão dispostas em ordem decrescente de grau de liquidez dos elementos nelas registrados, nos seguintes grupos: ativo circulante; ativo realizável a longo prazo; ativo permanente, dividido em investimentos, imobilizado, intangível e diferido.

II. O patrimônio líquido pode ser dividido em capital social, reservas de capital, ajustes de avaliação patrimonial, reservas de lucros, ações em tesouraria e prejuízos acumulados.

III. No ativo imobilizado, serão registrados os direitos que tenham por objeto bens corpóreos destinados à manutenção das atividades da companhia ou da empresa ou exercidos com essa finalidade, inclusive os decorrentes de operações que transfiram à companhia os benefícios, riscos e controle desses bens.

IV. Serão classificadas como reservas de capital as contas que registrarem o produto da alienação de partes beneficiárias e bônus de subscrição, o prêmio recebido na emissão de debêntures e as doações e as subvenções para investimento.

V. Serão classificadas como ajustes de avaliação patrimonial, enquanto não computadas no resultado do exercício em obediência ao regime de competência, as contrapartidas de aumentos ou diminuições de valor atribuído a elementos do ativo e do passivo, em decorrência da sua avaliação a preço de mercado.

Questão 74

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Em relação ao patrimônio de uma empresa e às diversas situações patrimoniais que pode assumir de acordo com a equação fundamental do patrimônio, indique a opção incorreta.

Questão 75

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Com relação à composição do Sistema Financeiro Nacional, aponte a entidade que não desempenha o papel de supervisora no referido Sistema.

Questão 76

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O Conselho de Gestão da Previdência Complementar – CGPC é o órgão responsável pela regulação das atividades das entidades fechadas de previdência complementar. Não integra(m) o Conselho de Gestão da Previdência Complementar:

Questão 77

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Identifique a afirmativa incorreta com relação ao Banco Central do Brasil.

Questão 78

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A Superintendência de Seguros Privados (SUSEP) é uma Autarquia Especial vinculada ao Ministério da Fazenda. A Lei Complementar n. 126, de 15 de janeiro de 2007, transferiu à SUSEP a competência de fiscalizar também as operações de:

Questão 79

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O Conselho Monetário Nacional (CMN) é o órgão deliberativo máximo do Sistema Financeiro Nacional.

Ao CMN não compete:

Questão 80

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) constitui órgão integrante do subsistema normativo do mercado de valores mobiliários. Aponte a única opção incorreta no que diz respeito à CVM.

Questão 81

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O Sistema Especial de Liquidação e Custódia- SELIC é um sistema informatizado do Banco Central do Brasil. Com relação ao SELIC, aponte a única opção falsa.

Questão 82

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Com relação ao mercado de opções, identifique a única opção incorreta.

Questão 83

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
No Brasil, os mercados de derivativos vêm nos últimos anos apresentando significativa evolução. Identifique a opção falsa em relação aos derivativos.

Questão 84

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
As ações são os principais títulos negociados no mercado de capitais. Com relação ao mercado acionário, assinale a única opção falsa.

Questão 85

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
No que tange à definição e classificação dos títulos de renda fixa, não se pode afirmar que:

Questão 86

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Para negociar ações, uma vez aberta a conta de valores e provisionado o recurso suficiente para operar, o cliente poderá emitir as ordens de compra e venda pertinentes. Identifique a única opção correta relacionada à ordem com stop de compra.

Questão 87

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
São três os fatores que explicam as diferentes taxas de juros entre ativos: risco, liquidez e prazo.

As instituições financeiras recorrem a vários expedientes para diminuir o risco dos empréstimos.

Indique a única opção, com relação ao risco, não observada pelas instituições.

Questão 88

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O risco, de uma maneira bem simples, é a probabilidade de não ocorrer o evento esperado. No caso de uma aplicação financeira, o risco pode ser entendido como a não-realização do retorno esperado.

Assinale a única opção falsa no que tange a risco e retorno.

Questão 89

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
De acordo com a literatura em políticas públicas, agenda governamental consiste em um conjunto de temas que, em dado momento, são alvo de séria atenção tanto por parte das autoridades governamentais como de atores fora do governo mas estreitamente associadas às autoridades. Sobre a formação ou construção da agenda de políticas públicas, pode-se afirmar que:

Questão 90

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A implementação é o processo mediante o qual decisões relativas a políticas públicas tornam-se intervenção concreta na realidade. Para que esse processo seja exitoso, algumas condições devem ser observadas, independentemente do modelo de implementação. Entre os enunciados abaixo, relativos a tais condições de êxito da implementação, assinale o único incorreto.

Questão 91

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A despeito das inúmeras e profundas mudanças pelas quais vem passando o Estado brasileiro nas últimas décadas, algumas características das políticas públicas permanecem. Examine os enunciados abaixo e assinale o que não é verdadeiro sobre as políticas públicas no Estado brasileiro contemporâneo.

Questão 92

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre os atores envolvidos nas políticas públicas, assinale o único enunciado incorreto.

Questão 93

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Qual dos instrumentos de planejamento abaixo tem como estrutura conceitual-metodológica o “triângulo de governo”?

Questão 94

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Todo tipo de avaliação compreende diversas etapas.
Qual das etapas abaixo não se inclui entre as etapas específicas da Análise Custo-Efetividade (ACE)?

Questão 95

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O debate sobre a formulação de programas e projetos envolve um extenso rol de conceitos. Todos os enunciados abaixo estão corretos, exceto:

Questão 96

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Entre as modernas abordagens do planejamento destaca-se o Planejamento Estratégico Situacional – PES. Considerando as características do PES, analise os enunciados abaixo e depois selecione a resposta correta.

1. A premissa principal do Planejamento Estratégico Situacional é a complexidade e conflituosidade da realidade social, na qual coexistem atores com objetivos contraditórios e perspectivas diferenciadas quanto ao contexto em que atuam.

2. O Planejamento Estratégico Situacional baseia-se na análise das relações entre causa e efeito e entre antecedentes e conseqüentes dos fenômenos sociais, de maneira a desvendar a lógica que preside a sua complexidade.

3. De acordo com o Planejamento Estratégico Situacional, nenhum ator social ou político tem hegemonia para controlar todas as variáveis da realidade, sendo o planejador mais um ator num processo interativo.

4. O Planejamento Estratégico Situacional é uma ferramenta de governo, que rejeita a concepção do planejamento como monopólio do Estado ou de qualquer força situacionalmente dominante.

Questão 97

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Apesar das muitas controvérsias entre os teóricos, na área de avaliação existem alguns conceitos e distinções razoavelmente consensuados, como os que se referem à avaliação somativa e à avaliação formativa. Sobre os objetivos da avaliação formativa, examine os enunciados abaixo e depois marque a resposta certa.

1. Proporcionar feedback imediato para alimentar revisões de programas e projetos em fase de teste-piloto.

2. Estimar o grau de eficácia das estratégias adotadas na implementação de um programa e orientar decisões sobre sua continuidade.

3. Identificar aspectos ambientais favoráveis e desfavoráveis ao êxito de um projeto ou programa em fase inicial de implementação, a fim de definir estratégias para melhorar o seu desempenho.

4. Informar sobre as necessidades de ampliação da cobertura de um programa ou da viabilidade de sua replicação.

Questão 98

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A Análise Custo-Benefício (ACB) proporciona um guia para hierarquizar alternativas de investimentos em projetos a serem executados ou já em processo de execução. Examine as assertivas abaixo sobre a Análise Custo-Benefício e assinale a opção incorreta.

Questão 99

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
De acordo com a NBC-T-11, o Parecer do Auditor Independente, segundo a natureza da opinião que contém, pode ser classificado das seguintes formas, exceto:

Questão 100

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Considerando o que dispõe a NBC-T-11, assinale a opção correta.

Questão 101

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
De acordo com a NBC-T-11, Risco de Auditoria é a possibilidade de o auditor vir a emitir uma opinião tecnicamente inadequada sobre demonstrações contábeis significativamente incorretas. Nesse contexto, há risco de auditoria nos seguintes casos, exceto:

Questão 102

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Sobre o tema “amostragem estatística em auditoria”, segundo o que dispõe a NBC-T-11, é incorreto afirmar que:

Questão 103

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Quando da aplicação dos testes de observância e substantivos, o auditor deve considerar alguns procedimentos técnicos básicos. Um deles – a revisão analítica – tal como a define a NBC-T-11, consiste no[a]:

Questão 104

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
De acordo com a IN SFC/MF n. 001/2001, os controles internos administrativos implementados em uma organização devem possuir as seguintes características, exceto:

Questão 105

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
No final da década de 1990, empresas como Enron, Tyco, HealthSouth e WorldCom entraram em processo de falência em decorrência de graves escândalos contábeis, gerando uma forte crise no mercado de capitais norte-americano. Por causa disso, em julho de 2002, entrou em vigor dispositivo legal que, visando melhorias em governança corporativa, definiu novos controles para as operações de negócio e processos relacionados aos relatórios financeiros, afetando não só o comportamento das organizações, em especial as de capital aberto cujos papéis circulam pelos principais mercados financeiros mundiais, mas também as práticas internacionais de auditoria interna até então vigentes. Trata-se, aqui, da(s):

Questão 106

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Segundo a IN SFC/MF n. 001/2001, o procedimento que tem por objetivo avaliar as ações gerenciais e os procedimentos relacionados ao processo operacional, ou parte dele, das unidades ou entidades da administração pública federal, programas de governo, projetos, atividades, ou segmentos destes, com a finalidade de emitir uma opinião sobre a gestão quanto aos aspectos da eficiência, eficácia e economicidade, procurando auxiliar a administração na gerência e nos resultados, por meio de recomendações que visem aprimorar os procedimentos, melhorar os controles e aumentar a responsabilidade gerencial, classifica-se como:

Questão 107

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Acerca do tema “papéis de trabalho”, na forma como o trata a IN SFC/MF n. 001/2001, assinale a opção incorreta.

Questão 108

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Nos casos em que a Unidade de Controle Interno do Poder Executivo Federal não obtiver elementos comprobatórios sufi cientes e adequados, de tal modo que o impeça de formar opinião quanto à regularidade da gestão, a IN SFC/MF n. 001/2001 determina que:

Questão 109

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Um projeto de investimento apresenta economias de escala quando o

Questão 110

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Quando um projeto de investimento é realizado em um setor de atividade bem descrito pelo modelo de concorrência perfeita, é razoável que se descubra que

Questão 111

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Outros fatores sendo iguais, a possibilidade de utilização de métodos de depreciação acelerada num projeto de investimento, em lugar da depreciação pelo método da linha reta,

Questão 112

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Ao se fazer a avaliação de um projeto de investimento, o custo de pesquisa e desenvolvimento incorrido em anos anteriores ao momento da avaliação deve ser

Questão 113

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Entende-se por ponto de nivelamento de um projeto de investimento

Questão 114

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Na elaboração dos fluxos anuais de caixa de um projeto de investimento, a projeção de capital de giro deve ser

Questão 115

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Para levar em conta a inflação na análise de um projeto de investimento, o procedimento correto é:

Questão 116

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
A avaliação de dois projetos de investimento mutuamente excludentes que têm o mesmo nível de risco pelo critério da taxa interna de retorno incremental é feita para lidar com o fato de que o critério usual da taxa interna de retorno, isto é, a comparação direta das taxas internas dos dois projetos, não leva em conta

Questão 117

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Na avaliação de um projeto de investimento do ponto de vista social, a previsão de ocorrência de uma externalidade negativa, como a poluição do meio-ambiente, se causada pela operação do projeto, deve ser levada em conta porque a poluição faz com que

Questão 118

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Quando os fluxos de caixa futuros anuais estimados de um projeto de investimento com duração de 10 anos são constantes, o valor presente desses fluxos de caixa pode ser calculado simplesmente

Questão 119

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
O VaR (value at risk) de um projeto de investimento é determinado pelos seguintes fatores:

Questão 120

CGU 2008 - ESAF - Analista de Finanças e Controle - Controle Interno
Em diversas ocasiões, pode ser preferível abandonar um projeto de investimento antes do prazo originalmente previsto para seu término. Essa decisão de abandono, quando tomada racionalmente, equivale à(ao)



Provas de Concursos » Esaf 2008