×
Técnico de Suporte Administrativo I Analista de Tecnologia da Informação e Comunicação I
×

PROCON 2013

Analista de Suporte Administrativo I

Questão 1

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Os preços médios dos medicamentos genéricos são 54,58%
 
menores do que os de referência, de acordo com pesquisa feita
 
pela Fundação PrOcOn-SP em drogarias e farmácias da capi-
 
tal paulista. Entre os genéricos, foi observada diferença de até
5
1.129,21%.
 
A pesquisa foi feita em abril em 15 drogarias nas cinco
 
regiões do município de São Paulo. Foram pesquisados 58
 
medicamentos, sendo 29 de referência e 29 genéricos.
 
no interior do estado, a maior variação de preços entre os
10
medicamentos genéricos chegou a 1.143% entre farmácias da
 
cidade de Bauru.
 
“A média dos preços dos genéricos em comparação aos de re-
 
ferência nos municípios paulistas teve a maior diferença, 57,03%,
 
detectada em São José dos campos. A menor diferença foi encon-
15
trada em Presidente Prudente, 44,46%”, diz o PrOcOn.
 
O PrOcOn-SP recomenda que o consumidor pesquise an-
 
tes de comprar. Além disso, deve evitar comprar medicamentos
 
sem bula e sem embalagem. Outras orientações são verificar o
 
prazo de validade, os números do lote e data de fabricação que
20
constam na caixa, nas cartelas ou frascos.
(Disponível em: http://www.idec.org.br/em-acao/noticia-consumidor/ genericos-so-54-mais-baratos-na-capital-paulista-aponta-pesquisa-do- procon-sp. Adaptado)
De acordo com o texto, deve-se compreender que

Questão 2

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Os preços médios dos medicamentos genéricos são 54,58%
 
menores do que os de referência, de acordo com pesquisa feita
 
pela Fundação PrOcOn-SP em drogarias e farmácias da capi-
 
tal paulista. Entre os genéricos, foi observada diferença de até
5
1.129,21%.
 
A pesquisa foi feita em abril em 15 drogarias nas cinco
 
regiões do município de São Paulo. Foram pesquisados 58
 
medicamentos, sendo 29 de referência e 29 genéricos.
 
no interior do estado, a maior variação de preços entre os
10
medicamentos genéricos chegou a 1.143% entre farmácias da
 
cidade de Bauru.
 
“A média dos preços dos genéricos em comparação aos de re-
 
ferência nos municípios paulistas teve a maior diferença, 57,03%,
 
detectada em São José dos campos. A menor diferença foi encon-
15
trada em Presidente Prudente, 44,46%”, diz o PrOcOn.
 
O PrOcOn-SP recomenda que o consumidor pesquise an-
 
tes de comprar. Além disso, deve evitar comprar medicamentos
 
sem bula e sem embalagem. Outras orientações são verificar o
 
prazo de validade, os números do lote e data de fabricação que
20
constam na caixa, nas cartelas ou frascos.
(Disponível em: http://www.idec.org.br/em-acao/noticia-consumidor/ genericos-so-54-mais-baratos-na-capital-paulista-aponta-pesquisa-do- procon-sp. Adaptado)
Releia o 4.º parágrafo do texto. “A média dos preços dos genéricos em comparação aos de referência nos municípios paulistas teve a maior diferença, 57,03%, detectada em São José dos campos. A menor diferença foi encontrada em Presidente Prudente, 44,46%”, diz o PROCON.

Assinale a alternativa em que, ao reescrever o trecho, a pontuação está correta e o sentido inalterado.

Questão 3

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Os preços médios dos medicamentos genéricos são 54,58%
 
menores do que os de referência, de acordo com pesquisa feita
 
pela Fundação PrOcOn-SP em drogarias e farmácias da capi-
 
tal paulista. Entre os genéricos, foi observada diferença de até
5
1.129,21%.
 
A pesquisa foi feita em abril em 15 drogarias nas cinco
 
regiões do município de São Paulo. Foram pesquisados 58
 
medicamentos, sendo 29 de referência e 29 genéricos.
 
no interior do estado, a maior variação de preços entre os
10
medicamentos genéricos chegou a 1.143% entre farmácias da
 
cidade de Bauru.
 
“A média dos preços dos genéricos em comparação aos de re-
 
ferência nos municípios paulistas teve a maior diferença, 57,03%,
 
detectada em São José dos campos. A menor diferença foi encon-
15
trada em Presidente Prudente, 44,46%”, diz o PrOcOn.
 
O PrOcOn-SP recomenda que o consumidor pesquise an-
 
tes de comprar. Além disso, deve evitar comprar medicamentos
 
sem bula e sem embalagem. Outras orientações são verificar o
 
prazo de validade, os números do lote e data de fabricação que
20
constam na caixa, nas cartelas ou frascos.
(Disponível em: http://www.idec.org.br/em-acao/noticia-consumidor/ genericos-so-54-mais-baratos-na-capital-paulista-aponta-pesquisa-do- procon-sp. Adaptado)
considere o título do texto: Genéricos são 54% mais baratos na capital paulista, aponta pesquisa do Procon-SP.

Assinale a alternativa em que a preposição destacada apresenta a mesma relação de sentido da preposição de(+o) na expressão acima.

Questão 4

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Os preços médios dos medicamentos genéricos são 54,58%
 
menores do que os de referência, de acordo com pesquisa feita
 
pela Fundação PrOcOn-SP em drogarias e farmácias da capi-
 
tal paulista. Entre os genéricos, foi observada diferença de até
5
1.129,21%.
 
A pesquisa foi feita em abril em 15 drogarias nas cinco
 
regiões do município de São Paulo. Foram pesquisados 58
 
medicamentos, sendo 29 de referência e 29 genéricos.
 
no interior do estado, a maior variação de preços entre os
10
medicamentos genéricos chegou a 1.143% entre farmácias da
 
cidade de Bauru.
 
“A média dos preços dos genéricos em comparação aos de re-
 
ferência nos municípios paulistas teve a maior diferença, 57,03%,
 
detectada em São José dos campos. A menor diferença foi encon-
15
trada em Presidente Prudente, 44,46%”, diz o PrOcOn.
 
O PrOcOn-SP recomenda que o consumidor pesquise an-
 
tes de comprar. Além disso, deve evitar comprar medicamentos
 
sem bula e sem embalagem. Outras orientações são verificar o
 
prazo de validade, os números do lote e data de fabricação que
20
constam na caixa, nas cartelas ou frascos.
(Disponível em: http://www.idec.org.br/em-acao/noticia-consumidor/ genericos-so-54-mais-baratos-na-capital-paulista-aponta-pesquisa-do- procon-sp. Adaptado)
considere a frase do texto.

O PROCON-SP recomenda que o consumidor pesquise antes de comprar.

Substituindo-se o verbo em destaque por outro de sentido equivalente, assinale a alternativa em que a regência verbal está correta e o sentido da frase se mantém.

Questão 5

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Os preços médios dos medicamentos genéricos são 54,58%
 
menores do que os de referência, de acordo com pesquisa feita
 
pela Fundação PrOcOn-SP em drogarias e farmácias da capi-
 
tal paulista. Entre os genéricos, foi observada diferença de até
5
1.129,21%.
 
A pesquisa foi feita em abril em 15 drogarias nas cinco
 
regiões do município de São Paulo. Foram pesquisados 58
 
medicamentos, sendo 29 de referência e 29 genéricos.
 
no interior do estado, a maior variação de preços entre os
10
medicamentos genéricos chegou a 1.143% entre farmácias da
 
cidade de Bauru.
 
“A média dos preços dos genéricos em comparação aos de re-
 
ferência nos municípios paulistas teve a maior diferença, 57,03%,
 
detectada em São José dos campos. A menor diferença foi encon-
15
trada em Presidente Prudente, 44,46%”, diz o PrOcOn.
 
O PrOcOn-SP recomenda que o consumidor pesquise an-
 
tes de comprar. Além disso, deve evitar comprar medicamentos
 
sem bula e sem embalagem. Outras orientações são verificar o
 
prazo de validade, os números do lote e data de fabricação que
20
constam na caixa, nas cartelas ou frascos.
(Disponível em: http://www.idec.org.br/em-acao/noticia-consumidor/ genericos-so-54-mais-baratos-na-capital-paulista-aponta-pesquisa-do- procon-sp. Adaptado)
A pesquisa foi feita em abril em 15 drogarias nas cinco regiões do município de São Paulo. Foram pesquisados 58 medicamentos, sendo 29 de referência e 29 genéricos.

Assinale a alternativa em que a substituição da forma verbal destacada não altera a concordância e o tempo verbal, e em que a colocação pronominal está correta.

Questão 6

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Considere as frases a seguir.

I. Para o PROCON-SP, a campanha “De Olho na Validade” é uma medida educativa que traz benefícios __________ população, uma vez que aprimora o mecanismo de controle para a questão dos produtos com prazo de validade vencido.

II. Vale ressaltar que a APAS (Associação Paulista de Supermercados) comprometeu-se __________ reforçar a comunicação interna da campanha junto aos seus associados.

III. Dos consumidores que afirmaram conhecer a campanha, 30% se informaram __________ respeito por meio do site do PROCON-SP e 26% por intermédio dos veículos de comunicação.

IV. O código de Defesa do consumidor determina que os fornecedores, que colocam __________ venda produtos inadequados ao consumo, devem substituir o item por outro similar ou restituir a quantia paga, sem prejuízo de eventuais perdas e danos.

Assinale a alternativa que preenche, correta e respectivamente, as lacunas das frases.

Questão 7

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
De acordo com o levantamento, dentre os consumidores que conhecem a campanha “De Olho na Validade”, apenas 22% participaram _________(da campanha) e _________ (dos 22% de consumidores), 26% tiveram as seguintes dificuldades em obter outro produto: falta de conhecimento do funcionário do supermercado; alegação de não haver possibilidade de troca por falta de outro item para substituição; alegação de que “o gerente não estava na loja”; solicitação para que o consumidor voltasse em outro momento para efetuar a troca; ou espera excessiva.
(Disponível em: http://www.procon.sp.gov.br/noticia.asp?id=3540. Acessado em 05.06.2013. Adaptado)

Os pronomes que, correta e respectivamente, substituem as palavras nos parêntesis, eliminando a ocorrência de repetições no texto acima, são:

Questão 8

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
A palavra recall, de origem inglesa, é utilizada no Brasil
 
para indicar o procedimento, previsto em lei, e a ser adotado pe-
 
los fornecedores, de chamar de volta os consumidores em razão
 
de defeitos verificados em produtos ou serviços colocados no
5
mercado, evitando, assim, a ocorrência de acidentes de consumo.
 
O chamamento (recall), ou Aviso de risco, tem por objetivo
 
básico proteger e preservar a vida, saúde, integridade e seguran-
 
ça do consumidor, bem como evitar prejuízos materiais e morais.
 
A prevenção e a reparação dos danos estão intimamente li-
10
gadas, na medida em que o recall objetiva sanar um defeito, que
 
coloca em risco a saúde e a segurança do consumidor, sendo que
 
qualquer dano em virtude desse defeito será de responsabilidade
 
do fornecedor. nos termos do código de Defesa do consumidor,
 
a responsabilidade do fornecedor é objetiva, independentemente
15
da existência de culpa (art. 12 a 14 da Lei n.º 8.078/90).
 
O recall visa, ainda, a retirada do mercado, reparação do
 
defeito ou a recompra de produtos ou serviços defeituosos pelo
 
fornecedor. O recall deve ser gratuito, efetivo e sua comunicação
 
deve alcançar todos os consumidores expostos aos riscos.
20
Para garantir a sua própria segurança e a de terceiros, é mui-
 
to importante que o consumidor atenda ao chamado do fornece-
 
dor o mais rápido possível, para evitar a concretização de possí-
 
veis acidentes de consumo, embora não haja data limite para a
 
realização dos reparos ou substituição dos produtos defeituosos.
25
Feito o reparo, o consumidor deve exigir e guardar o com-
 
provante de que este foi realizado. Em caso de venda do bem
 
(por exemplo, automóvel) deverá repassar esse documento para
 
o novo proprietário.
 
caso o consumidor já tenha sofrido algum dano em razão do
30
uso de algum produto defeituoso, deverá recorrer ao Judiciário
 
para pleitear ressarcimento de danos morais e materiais.
(Disponível em: http://www.procon.sp.gov.br/recall.asp. Acessado em 05.06.2013. Adaptado)
Segundo o texto, o recall visa, principalmente,

Questão 9

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
A palavra recall, de origem inglesa, é utilizada no Brasil
 
para indicar o procedimento, previsto em lei, e a ser adotado pe-
 
los fornecedores, de chamar de volta os consumidores em razão
 
de defeitos verificados em produtos ou serviços colocados no
5
mercado, evitando, assim, a ocorrência de acidentes de consumo.
 
O chamamento (recall), ou Aviso de risco, tem por objetivo
 
básico proteger e preservar a vida, saúde, integridade e seguran-
 
ça do consumidor, bem como evitar prejuízos materiais e morais.
 
A prevenção e a reparação dos danos estão intimamente li-
10
gadas, na medida em que o recall objetiva sanar um defeito, que
 
coloca em risco a saúde e a segurança do consumidor, sendo que
 
qualquer dano em virtude desse defeito será de responsabilidade
 
do fornecedor. nos termos do código de Defesa do consumidor,
 
a responsabilidade do fornecedor é objetiva, independentemente
15
da existência de culpa (art. 12 a 14 da Lei n.º 8.078/90).
 
O recall visa, ainda, a retirada do mercado, reparação do
 
defeito ou a recompra de produtos ou serviços defeituosos pelo
 
fornecedor. O recall deve ser gratuito, efetivo e sua comunicação
 
deve alcançar todos os consumidores expostos aos riscos.
20
Para garantir a sua própria segurança e a de terceiros, é mui-
 
to importante que o consumidor atenda ao chamado do fornece-
 
dor o mais rápido possível, para evitar a concretização de possí-
 
veis acidentes de consumo, embora não haja data limite para a
 
realização dos reparos ou substituição dos produtos defeituosos.
25
Feito o reparo, o consumidor deve exigir e guardar o com-
 
provante de que este foi realizado. Em caso de venda do bem
 
(por exemplo, automóvel) deverá repassar esse documento para
 
o novo proprietário.
 
caso o consumidor já tenha sofrido algum dano em razão do
30
uso de algum produto defeituoso, deverá recorrer ao Judiciário
 
para pleitear ressarcimento de danos morais e materiais.
(Disponível em: http://www.procon.sp.gov.br/recall.asp. Acessado em 05.06.2013. Adaptado)
Considere o trecho a seguir.

A prevenção e a reparação dos danos estão intimamente ligadas, na medida em que o recall objetiva sanar um defeito, que coloca em risco a saúde e a segurança do consumidor, sendo que qualquer dano em virtude desse defeito será de responsabilidade do fornecedor. nos termos do código de Defesa do consumidor, a responsabilidade do fornecedor é objetiva, independentemente da existência de culpa (art. 12 a 14 da Lei n.º 8.078/90). respectivamente, os sentidos de objetiva, em destaque no trecho dado, são:

Questão 10

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
A palavra recall, de origem inglesa, é utilizada no Brasil
 
para indicar o procedimento, previsto em lei, e a ser adotado pe-
 
los fornecedores, de chamar de volta os consumidores em razão
 
de defeitos verificados em produtos ou serviços colocados no
5
mercado, evitando, assim, a ocorrência de acidentes de consumo.
 
O chamamento (recall), ou Aviso de risco, tem por objetivo
 
básico proteger e preservar a vida, saúde, integridade e seguran-
 
ça do consumidor, bem como evitar prejuízos materiais e morais.
 
A prevenção e a reparação dos danos estão intimamente li-
10
gadas, na medida em que o recall objetiva sanar um defeito, que
 
coloca em risco a saúde e a segurança do consumidor, sendo que
 
qualquer dano em virtude desse defeito será de responsabilidade
 
do fornecedor. nos termos do código de Defesa do consumidor,
 
a responsabilidade do fornecedor é objetiva, independentemente
15
da existência de culpa (art. 12 a 14 da Lei n.º 8.078/90).
 
O recall visa, ainda, a retirada do mercado, reparação do
 
defeito ou a recompra de produtos ou serviços defeituosos pelo
 
fornecedor. O recall deve ser gratuito, efetivo e sua comunicação
 
deve alcançar todos os consumidores expostos aos riscos.
20
Para garantir a sua própria segurança e a de terceiros, é mui-
 
to importante que o consumidor atenda ao chamado do fornece-
 
dor o mais rápido possível, para evitar a concretização de possí-
 
veis acidentes de consumo, embora não haja data limite para a
 
realização dos reparos ou substituição dos produtos defeituosos.
25
Feito o reparo, o consumidor deve exigir e guardar o com-
 
provante de que este foi realizado. Em caso de venda do bem
 
(por exemplo, automóvel) deverá repassar esse documento para
 
o novo proprietário.
 
caso o consumidor já tenha sofrido algum dano em razão do
30
uso de algum produto defeituoso, deverá recorrer ao Judiciário
 
para pleitear ressarcimento de danos morais e materiais.
(Disponível em: http://www.procon.sp.gov.br/recall.asp. Acessado em 05.06.2013. Adaptado)
O código de Defesa do consumidor define:

Artigo 10 – O fornecedor não poderá colocar no mercado de consumo produto ou serviço que sabe ou deveria saber apresentar alto grau de nocividade ou periculosidade à saúde ou segurança.
§ 1.º – O fornecedor de produtos e serviços que, posteriormente à sua introdução no mercado de consumo, tiver conhecimento da periculosidade que apresentem, deverá comunicar o fato imediatamente às autoridades competentes e aos consumidores, mediante anúncios publicitários.
§ 2.º – Os anúncios publicitários a que se refere o parágrafo anterior serão veiculados na imprensa, rádio e televisão, às expensas do fornecedor do produto ou serviço.

Assinale o trecho do texto Sistema de Acompanhamento de recall que explicita o que dizem os § 1.º e 2.º desse artigo da legislação.

Questão 11

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Um estudante precisou transcrever a gravação do áudio de um seminário. Esse áudio teve início quando o marcador do gravador indicava 8h 38min 52s e terminou às 15h 32min 36s.
Durante a gravação, ocorreu uma interrupção de 58min 03s em que as pessoas saíram para almoçar e o gravador ficou ligado.
Sendo assim, o tempo do áudio que esse estudante teve de transcrever, com exceção do intervalo do horário do almoço, foi de

Questão 12

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Em uma loja, 2 funcionários montam 14 armários em 7 dias. Para montar 20 desses armários no prazo de 8 dias, considerando o mesmo desempenho dos funcionários, será necessário que o número mínimo de funcionários seja de

Questão 13

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Felipe, que gosta de matemática, pegou uma tabela da empresa de seu pai com os cargos listados em ordem alfabética e seus respectivos salários. Separou aqueles em que conseguiu escrever o salário mensal em função de um valor literal “n” comum, conforme mostra a tabela.


Sabe-se que a média mensal dos salários do porteiro e do segurança é de R$ 1.725,00. Sendo assim, o maior salário dessa tabela corresponde a

Questão 14

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Uma costureira tem quatro carreteis de fitas com, respectivamente, 164 m, 136 m, 112 m e 84 m. Ela precisa cortar essas fitas em pedaços de mesmo comprimento, sendo cada pedaço o maior possível.
O número máximo de pedaços obtidos e o comprimento, em metros de cada pedaço, serão, respectivamente,

Questão 15

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
mensalmente, marcos gasta 1/3 do seu salário com despesas fixas e aplica no banco 2/3 do restante. O que sobra do seu salário, ele gasta com despesas do dia a dia, sendo que tal gasto representa do seu salário, aproximadamente,

Questão 16

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Thaís organizou uma tabela com o número de fornecedores e seus respectivos estados, nos anos de 2010 e 2012.


Sabendo-se que foram 40 os fornecedores nesses anos, é correto afirmar que em 2012 o número de fornecedores de MG foi

Questão 17

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Renato emprestou R$ 17.000,00 para sua prima. Ela irá pagar, por mês, 0,8% do valor total emprestado. Ao devolver o dinheiro, ela pagará R$ 2.448,00 de juros. O tempo de empréstimo combinado foi de

Questão 18

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Um vidraceiro fez dois serviços para um mesmo cliente. no primeiro serviço, ele cobrou R$ 923,00 e teve um lucro de 30%. no segundo serviço, ele cobrou r$ 1.200,00, mas como quebraram-se dois vidros, teve um prejuízo de 20%.

Em relação aos serviços prestados para esse cliente, o vidraceiro teve um

Questão 19

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Em um pet shop, há 45 animais entre cães e gatos. Sabe-se que a razão entre os cães para os gatos é de 5/4. Pode-se concluir que o número de cães e o número de gatos são, respectivamente,

Questão 20

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Em 500 litros de combustível, 75% é de gasolina e o restante, de álcool. Para que esse combustível venha conter 20% de álcool, é necessário adicionar de gasolina um volume, em litros, igual a

Questão 21

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Nos termos da Lei Estadual n.° 9.192/95, para a consecução de seus objetivos, a Fundação de Proteção e Defesa do consumidor (PROCON) deverá

Questão 22

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Sobre os órgãos superiores da Fundação de Proteção e Defesa do consumidor (PROCON), assinale a alternativa correta.

Questão 23

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
É direito básico do usuário do serviço público do Estado de São Paulo, disposto na Lei Estadual n.° 10.294/99,

Questão 24

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O acesso à informação de que trata a Lei n.° 12.527/2011 compreende, entre outros, os direitos de obter informação

Questão 25

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Segundo a Lei n.° 12.527/2011, são passíveis de classificação como ultrassecretas, secretas ou reservadas, as informações cuja divulgação ou acesso irrestrito possam

Questão 26

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Observe a janela do MS-Windows 7, em sua configuração original, que contém os itens da pasta PROCON.

Assinale a alternativa que contém os itens que serão visualizados após se digitar o argumento de pesquisa: consumidor nOT Defesa na caixa.

Questão 27

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Observe a tabela construída no MS-Word 2010, na sua instalação padrão, exibida na figura.


Supondo que a tabela está totalmente selecionada, assinale a alternativa que contém o botão de alinhamento da guia de opções Layout que foi utilizado.

Questão 28

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
No MS-Excel 2010, na sua configuração padrão, o gráfico contorno, exibido a seguir, é do tipo

Questão 29

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Observe o painel de animação de uma apresentação do MS-PowerPoint 2010, em sua configuração original, apresentado na figura.
.

A primeira animação do grupo indicado pelo número 2 é do tipo

Questão 30

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Considere a janela de visualização de impressão do Internet Explorer 9 visível na figura.


Assinale a alternativa correta.

Questão 31

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Em conformidade com o Artigo 1.º, Parágrafo 1.º, da Lei n.º 9.790/99, que dispõe sobre as Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP, a qualificação instituída pela Lei, ou seja, pela OSCIP, é passível de ser conferida a

Questão 32

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
A literatura que aborda as teorias da administração pública aponta a existência de três modelos de gestão pública, já reconhecidos como clássicos: o modelo patrimonialista, o burocrático e o gerencial. O quadro a seguir relaciona, na coluna da direita, os três modelos e, na coluna da esquerda, algumas das características fundamentais atribuíveis a cada um dos modelos.



Relacione cada conjunto de características ao respectivo modelo e assinale a alternativa correta.

Questão 33

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Assinale a alternativa que, em conformidade com Artigo 6.º, do Decreto-Lei n.º 200, de 25.02.1967, contempla os cinco princípios fundamentais da Administração Federal fixados pela reforma Administrativa instituída pelo mesmo Decreto.

Questão 34

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Regulamentando o disposto no Artigo 37, inciso XXI, da Constituição Federal, o regime jurídico dos contratos administrativos passa a ser instituído pelo[a]:

Questão 35

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Em conformidade com a legislação reguladora da matéria, os contratos administrativos poderão ser alterados unilateralmente pela Administração, com as devidas justificativas, no seguinte caso:

Questão 36

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
As organizações são configuradas por cinco componentes, relacionados na coluna da esquerda do quadro apresentado e com as respectivas caracterizações na coluna da direita.



Assinale a alternativa que relaciona cada componente da configuração organizacional à sua respectiva característica.

Questão 37

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
A Lei complementar n.º 101/2000, conhecida popularmente como Lei de responsabilidade Fiscal, integra o processo de reformas de ajuste estrutural do Brasil. Tida como marco no ajuste fiscal, a Lei introduziu o conceito de accountability no país.

Assinale a alternativa que oferece uma definição correta para o conceito.

Questão 38

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Assinale a alternativa que, de acordo com o Artigo 3.º do Decreto n.º 83.740/79, corresponde a um dos objetivos do Programa Nacional de Desburocratização.

Questão 39

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O Plano Diretor de Reforma do Aparelho do Estado, de 1995, aponta que no Aparelho do Estado é possível distinguir quatro setores.

Assinale a alternativa que relaciona os quatro setores referidos no documento.

Questão 40

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
A Constituição Federal estabelece, no seu Artigo 37, que as funções de confiança são passíveis de serem exercidas exclusivamente por

Questão 41

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O Artigo 1.º da Lei n.º 9.637/98 concede ao Poder Executivo o poder de celebrar Contratos de Gestão com pessoas jurídicas que tenham, entre suas atividades, a(s) de:

Questão 42

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
De acordo com o Artigo 9.º da Lei n.º 9.784/99, são legitimados como interessados no processo administrativo

Questão 43

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
A tabela que segue apresenta quatro formatos de estruturas organizacionais e descritivos relativos a cada uma.



Assinale a alternativa que relaciona adequadamente cada estrutura ao seu respectivo descritivo.

Questão 44

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O inciso I, do Artigo 24 da Lei n.º 8.666/93 estipula que é dispensável a licitação “para obras e serviços de engenharia de valor até do limite previsto na alínea “a”, do inciso I do artigo anterior, desde que não se refiram a parcelas de uma mesma obra ou serviço ou ainda para obras e serviços da mesma natureza e no mesmo local que possam ser realizadas conjunta e concomitantemente”.

Assinale a alternativa que corresponde ao percentual que preenche corretamente a lacuna do texto.

Questão 45

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
Assinale a alternativa que oferece uma definição correta ao que seja o ato administrativo de adjudicação.

Questão 46

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O Artigo 24 da Constituição do Estado de São Paulo estabelece que compete, exclusivamente, à Assembleia Legislativa a iniciativa de lei que disponha sobre

Questão 47

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
De acordo com o Artigo 31 da Constituição do Estado de São Paulo, o Tribunal de Contas do Estado é integrado por

Questão 48

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O Artigo 17 da consolidação das Leis do Trabalho apresenta a seguinte redação: “na impossibilidade de apresentação, pelo interessado, de documento idôneo que o qualifique, a carteira de Trabalho e Previdência Social será fornecida com base em , lavrando-se, na primeira folha de anotações gerais da carteira, termo assinado .”

Assinale a alternativa que contém os termos que completam, correta e respectivamente, o texto do artigo.

Questão 49

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O capítulo II da Consolidação das Leis do Trabalho estabelece, no Artigo 58-A, que: considera-se trabalho em regime de tempo parcial aquele cuja duração não exceda a

Questão 50

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O Artigo 23 da Constituição Federal estabelece que é competência comum da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios (entre outras matérias),

Questão 51

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O estágio da receita pública, em que repartição competente que verifica a procedência do crédito fiscal, a pessoa que lhe é devedora e inscreve o débito desta, é denominado

Questão 52

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
São objetivos do SIAFEM

( ) Simplificar e uniformizar a execução orçamentária, financeira e contábil da União de forma integrada.

( ) Assegurar que a contabilidade seja fonte segura e real de informações para todos os níveis da administração pública e órgãos de controle externo.

( ) Buscar eficiência, eficácia e transparência na gestão dos recursos públicos e a redução dos custos.

Após ler as afirmações, coloque V (verdadeiro) e F (falso) e assinale a alternativa que contém a classificação correta das afirmações de cima para baixo.

Questão 53

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
A lei de diretrizes orçamentárias

Questão 54

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
A Lei de Responsabilidade Fiscal diz que a concessão ou ampliação de incentivo ou benefício de natureza tributária da qual decorra renúncia de receita deverá estar acompanhada de estimativa do impacto orçamentário-financeiro no exercício em que deva iniciar sua vigência e nos dois seguintes, atender ao disposto na lei de diretrizes orçamentárias e a, pelo menos, uma das seguintes condições:

( ) Demonstração, pelo proponente, de que a renúncia foi considerada na estimativa de receita da lei orçamentária.

( ) Estar acompanhada de medidas de compensação, no período mencionado no caput, por meio do aumento de receita.

( ) Demonstração, pelo proponente, de que os benefícios sociais trazidos pela renúncia superam a receita perdida.

Após ler as afirmações, coloque V (verdadeiro) e F (falso) e assinale a alternativa que contém a classificação correta de cima para baixo.

Questão 55

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
O instrumento de planejamento governamental de médio prazo, previsto no artigo 165 da Constituição Federal, é

Questão 56

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Women live longer than men partly because their immune
 
systems age more slowly, a study suggests. As the body’s
 
defences weaken over time, men’s increased susceptibility to
 
disease shortens their lifespans, say Japanese scientists.
5
Tests of immune function could give an indication of true
 
biological age, they report in Immunity & Ageing journal. The
 
immune system protects the body from infection and cancer,
 
but causes disease when not properly regulated. The Japanese
 
study set out to investigate the controversial question of whether
10
age-related changes in the immune system could be responsible for
 
the difference in average life expectancy between men and women.
 
Prof Katsuiku Hirokawa of the Tokyo medical and Dental
 
University and colleagues analysed blood samples from 356
 
healthy men and women aged between 20 and 90.They measured
15
levels of white blood cells and molecules called cytokines which
 
interact with cells of the immune system to regulate the body’s
 
response to disease. In both sexes, the number of white blood
 
cells per person declined with age as expected from previous
 
studies. However, closer examination revealed differences
20
between men and women in two key components of the immune
 
system – T–cells, which protect the body from infection, and
 
B-cells, which secrete antibodies.
 
“Our findings indicate that the slower rate of decline in
 
these immunological parameters in women than that in men is
25
consistent with the fact that women live longer than do men.”
(http://www.bbc.co.uk/news/health-22528388/15.05.2013.Adaptado)
According to the text, women

Questão 57

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Women live longer than men partly because their immune
 
systems age more slowly, a study suggests. As the body’s
 
defences weaken over time, men’s increased susceptibility to
 
disease shortens their lifespans, say Japanese scientists.
5
Tests of immune function could give an indication of true
 
biological age, they report in Immunity & Ageing journal. The
 
immune system protects the body from infection and cancer,
 
but causes disease when not properly regulated. The Japanese
 
study set out to investigate the controversial question of whether
10
age-related changes in the immune system could be responsible for
 
the difference in average life expectancy between men and women.
 
Prof Katsuiku Hirokawa of the Tokyo medical and Dental
 
University and colleagues analysed blood samples from 356
 
healthy men and women aged between 20 and 90.They measured
15
levels of white blood cells and molecules called cytokines which
 
interact with cells of the immune system to regulate the body’s
 
response to disease. In both sexes, the number of white blood
 
cells per person declined with age as expected from previous
 
studies. However, closer examination revealed differences
20
between men and women in two key components of the immune
 
system – T–cells, which protect the body from infection, and
 
B-cells, which secrete antibodies.
 
“Our findings indicate that the slower rate of decline in
 
these immunological parameters in women than that in men is
25
consistent with the fact that women live longer than do men.”
(http://www.bbc.co.uk/news/health-22528388/15.05.2013.Adaptado)
The study held

Questão 58

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Women live longer than men partly because their immune
 
systems age more slowly, a study suggests. As the body’s
 
defences weaken over time, men’s increased susceptibility to
 
disease shortens their lifespans, say Japanese scientists.
5
Tests of immune function could give an indication of true
 
biological age, they report in Immunity & Ageing journal. The
 
immune system protects the body from infection and cancer,
 
but causes disease when not properly regulated. The Japanese
 
study set out to investigate the controversial question of whether
10
age-related changes in the immune system could be responsible for
 
the difference in average life expectancy between men and women.
 
Prof Katsuiku Hirokawa of the Tokyo medical and Dental
 
University and colleagues analysed blood samples from 356
 
healthy men and women aged between 20 and 90.They measured
15
levels of white blood cells and molecules called cytokines which
 
interact with cells of the immune system to regulate the body’s
 
response to disease. In both sexes, the number of white blood
 
cells per person declined with age as expected from previous
 
studies. However, closer examination revealed differences
20
between men and women in two key components of the immune
 
system – T–cells, which protect the body from infection, and
 
B-cells, which secrete antibodies.
 
“Our findings indicate that the slower rate of decline in
 
these immunological parameters in women than that in men is
25
consistent with the fact that women live longer than do men.”
(http://www.bbc.co.uk/news/health-22528388/15.05.2013.Adaptado)
According to the text, the immune system

Questão 59

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Women live longer than men partly because their immune
 
systems age more slowly, a study suggests. As the body’s
 
defences weaken over time, men’s increased susceptibility to
 
disease shortens their lifespans, say Japanese scientists.
5
Tests of immune function could give an indication of true
 
biological age, they report in Immunity & Ageing journal. The
 
immune system protects the body from infection and cancer,
 
but causes disease when not properly regulated. The Japanese
 
study set out to investigate the controversial question of whether
10
age-related changes in the immune system could be responsible for
 
the difference in average life expectancy between men and women.
 
Prof Katsuiku Hirokawa of the Tokyo medical and Dental
 
University and colleagues analysed blood samples from 356
 
healthy men and women aged between 20 and 90.They measured
15
levels of white blood cells and molecules called cytokines which
 
interact with cells of the immune system to regulate the body’s
 
response to disease. In both sexes, the number of white blood
 
cells per person declined with age as expected from previous
 
studies. However, closer examination revealed differences
20
between men and women in two key components of the immune
 
system – T–cells, which protect the body from infection, and
 
B-cells, which secrete antibodies.
 
“Our findings indicate that the slower rate of decline in
 
these immunological parameters in women than that in men is
25
consistent with the fact that women live longer than do men.”
(http://www.bbc.co.uk/news/health-22528388/15.05.2013.Adaptado)
O termo that em destaque na frase – “our findings indicate that the slower rate of decline in these immunological parameters in women than that in men is consistent with the fact that women live longer than do men.” – refere-se a

Questão 60

PROCON 2013 - VUNESP - Analista de Suporte Administrativo I
1
Women live longer than men partly because their immune
 
systems age more slowly, a study suggests. As the body’s
 
defences weaken over time, men’s increased susceptibility to
 
disease shortens their lifespans, say Japanese scientists.
5
Tests of immune function could give an indication of true
 
biological age, they report in Immunity & Ageing journal. The
 
immune system protects the body from infection and cancer,
 
but causes disease when not properly regulated. The Japanese
 
study set out to investigate the controversial question of whether
10
age-related changes in the immune system could be responsible for
 
the difference in average life expectancy between men and women.
 
Prof Katsuiku Hirokawa of the Tokyo medical and Dental
 
University and colleagues analysed blood samples from 356
 
healthy men and women aged between 20 and 90.They measured
15
levels of white blood cells and molecules called cytokines which
 
interact with cells of the immune system to regulate the body’s
 
response to disease. In both sexes, the number of white blood
 
cells per person declined with age as expected from previous
 
studies. However, closer examination revealed differences
20
between men and women in two key components of the immune
 
system – T–cells, which protect the body from infection, and
 
B-cells, which secrete antibodies.
 
“Our findings indicate that the slower rate of decline in
 
these immunological parameters in women than that in men is
25
consistent with the fact that women live longer than do men.”
(http://www.bbc.co.uk/news/health-22528388/15.05.2013.Adaptado)
O termo do no trecho – “… these immunological parameters in women than that in men is consistent with the fact that women live longer than do men.” – corresponde a



Provas de Concursos » Vunesp 2013