×
Advogado Jornalista Analista Administrativo - Administração Analista Administrativo - Contabilidade Analista Administrativo - Engenheiro Eletricista Enfermeiro Técnico em Enfermagem Técnico em Contabilidade
×

EBSERH - HC UFU 2020

Assistente Administrativo

Questão 1

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
Na década de cinquenta, cresceu a participação
 
feminina no mercado de trabalho, especialmente no setor de
 
serviços de consumo coletivo, em escritórios, no comércio ou
 
em serviços públicos. Surgiram então mais oportunidades de
5
emprego em profissões como as de enfermeira, professora,
 
funcionária burocrática, médica, assistente social, vendedora,
 
as quais exigiam das mulheres certa qualificação e, em
 
contrapartida, tornavam-nas profissionais remuneradas. Essa
 
tendência demandou maior escolaridade feminina e provocou,
10
sem dúvida, mudanças no status social das mulheres.
 
Entretanto, eram nítidos os preconceitos que cercavam o
 
trabalho feminino nessa época. Como as mulheres ainda eram
 
vistas prioritariamente como donas de casa e mães, a ideia da
 
incompatibilidade entre casamento e vida profissional tinha
15
grande força no imaginário social. Um dos principais
 
argumentos dos que viam com ressalvas o trabalho feminino
 
era o de que, trabalhando, a mulher deixaria de lado seus
 
afazeres domésticos e suas atenções e cuidados para com o
 
marido: ameaças não só à organização doméstica como
20
também à estabilidade do matrimônio.
 
Carla Bassanezi. Mulheres dos anos dourados. In: História das mulheres
 
no Brasil. 8.ª ed. São Paulo: Con
Infere-se do CG4A1-II que, na década de cinquenta, as mulheres

Questão 2

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
A voz no aeroporto de Congonhas anunciou: “Clien-
 
tes com necessidades especiais, crianças de colo, melhor
 
idade, gestantes e portadores do cartão tal terão preferência etc.”. Num rápido exercício intelectual, concluí que, não
 
tendo necessidades especiais, nem sendo criança de colo,
5
gestante ou portador do dito cartão, só me restava a “melhor
 
idade” – algo entre os 60 anos e a morte.
 
Para os que ainda não chegaram a ela, “melhor idade”
 
é quando você pensa duas vezes antes de se abaixar para
 
pegar o lápis que deixou cair e, se ninguém estiver olhando, chuta-o para debaixo da mesa. Ou, tendo atravessado a
10
rua fora da faixa, arrepende-se no meio do caminho porque
 
o sinal abriu e agora terá de correr para salvar a vida. Ou
 
quando o singelo ato de dar o laço no pé esquerdo do sapato
 
equivale, segundo o João Ubaldo Ribeiro*, a uma modalida-
 
de olímpica.
15
Privilégios da “melhor idade” são o ressecamento da
 
pele, a osteoporose, as placas de gordura no coração, a
 
pressão lembrando placar de basquete americano, a falência
 
dos neurônios, as baixas de visão e audição, a falta de ar, a
 
queda de cabelo, a tendência à obesidade e as disfunções
20
sexuais. Ou seja, nós, da “melhor idade”, estamos com tudo,
 
e os demais podem ir lamber sabão.
 
Outra característica da “melhor idade” é a disponibilidade
 
de seus membros para tomar as montanhas de estimulantes
 
e antidepressivos que seus médicos lhes receitam e depois
25
não conseguem retirar. Outro dia, bem cedo, um jovem casal
 
cruzou comigo no Leblon. Talvez vendo em mim um ptero-
 
dáctilo da clássica boemia carioca, o rapaz perguntou: “Vol-
 
tando da farra, Ruy?”. Respondi, eufórico: “Que nada! Estou
 
voltando da farmácia!”. E esta, de fato, é uma grande vanta-
30
gem da “melhor idade”: você extrai prazer de qualquer lugar
 
a que ainda consiga ir.
(Ruy Castro. Folha de S.Paulo, 29.01.2012. Adaptado) *João Ubaldo Ribeiro: escritor baiano, autor, entre várias obras, de Viva o povo brasileiro.
A ironia ocorre quando a palavra empregada deve exprimir ideia oposta àquela expressa pelo sentido original dessa palavra.

Considerando a definição, assinale a alternativa em que a expressão destacada foi empregada em sentido irônico pelo autor.

Questão 3

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
A voz no aeroporto de Congonhas anunciou: “Clien-
 
tes com necessidades especiais, crianças de colo, melhor
 
idade, gestantes e portadores do cartão tal terão preferência etc.”. Num rápido exercício intelectual, concluí que, não
 
tendo necessidades especiais, nem sendo criança de colo,
5
gestante ou portador do dito cartão, só me restava a “melhor
 
idade” – algo entre os 60 anos e a morte.
 
Para os que ainda não chegaram a ela, “melhor idade”
 
é quando você pensa duas vezes antes de se abaixar para
 
pegar o lápis que deixou cair e, se ninguém estiver olhando, chuta-o para debaixo da mesa. Ou, tendo atravessado a
10
rua fora da faixa, arrepende-se no meio do caminho porque
 
o sinal abriu e agora terá de correr para salvar a vida. Ou
 
quando o singelo ato de dar o laço no pé esquerdo do sapato
 
equivale, segundo o João Ubaldo Ribeiro*, a uma modalida-
 
de olímpica.
15
Privilégios da “melhor idade” são o ressecamento da
 
pele, a osteoporose, as placas de gordura no coração, a
 
pressão lembrando placar de basquete americano, a falência
 
dos neurônios, as baixas de visão e audição, a falta de ar, a
 
queda de cabelo, a tendência à obesidade e as disfunções
20
sexuais. Ou seja, nós, da “melhor idade”, estamos com tudo,
 
e os demais podem ir lamber sabão.
 
Outra característica da “melhor idade” é a disponibilidade
 
de seus membros para tomar as montanhas de estimulantes
 
e antidepressivos que seus médicos lhes receitam e depois
25
não conseguem retirar. Outro dia, bem cedo, um jovem casal
 
cruzou comigo no Leblon. Talvez vendo em mim um ptero-
 
dáctilo da clássica boemia carioca, o rapaz perguntou: “Vol-
 
tando da farra, Ruy?”. Respondi, eufórico: “Que nada! Estou
 
voltando da farmácia!”. E esta, de fato, é uma grande vanta-
30
gem da “melhor idade”: você extrai prazer de qualquer lugar
 
a que ainda consiga ir.
(Ruy Castro. Folha de S.Paulo, 29.01.2012. Adaptado) *João Ubaldo Ribeiro: escritor baiano, autor, entre várias obras, de Viva o povo brasileiro.
Assinale a alternativa em que a reescrita da frase do segundo parágrafo preserva o sentido original do texto.

Questão 4

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
Na década de cinquenta, cresceu a participação
 
feminina no mercado de trabalho, especialmente no setor de
 
serviços de consumo coletivo, em escritórios, no comércio ou
 
em serviços públicos. Surgiram então mais oportunidades de
5
emprego em profissões como as de enfermeira, professora,
 
funcionária burocrática, médica, assistente social, vendedora,
 
as quais exigiam das mulheres certa qualificação e, em
 
contrapartida, tornavam-nas profissionais remuneradas. Essa
 
tendência demandou maior escolaridade feminina e provocou,
10
sem dúvida, mudanças no status social das mulheres.
 
Entretanto, eram nítidos os preconceitos que cercavam o
 
trabalho feminino nessa época. Como as mulheres ainda eram
 
vistas prioritariamente como donas de casa e mães, a ideia da
 
incompatibilidade entre casamento e vida profissional tinha
15
grande força no imaginário social. Um dos principais
 
argumentos dos que viam com ressalvas o trabalho feminino
 
era o de que, trabalhando, a mulher deixaria de lado seus
 
afazeres domésticos e suas atenções e cuidados para com o
 
marido: ameaças não só à organização doméstica como
20
também à estabilidade do matrimônio.
 
Carla Bassanezi. Mulheres dos anos dourados. In: História das mulheres
 
no Brasil. 8.ª ed. São Paulo: Con
Infere-se do CG4A1-II que, na década de cinquenta, as mulheres

Questão 5

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
Na década de cinquenta, cresceu a participação
 
feminina no mercado de trabalho, especialmente no setor de
 
serviços de consumo coletivo, em escritórios, no comércio ou
 
em serviços públicos. Surgiram então mais oportunidades de
5
emprego em profissões como as de enfermeira, professora,
 
funcionária burocrática, médica, assistente social, vendedora,
 
as quais exigiam das mulheres certa qualificação e, em
 
contrapartida, tornavam-nas profissionais remuneradas. Essa
 
tendência demandou maior escolaridade feminina e provocou,
10
sem dúvida, mudanças no status social das mulheres.
 
Entretanto, eram nítidos os preconceitos que cercavam o
 
trabalho feminino nessa época. Como as mulheres ainda eram
 
vistas prioritariamente como donas de casa e mães, a ideia da
 
incompatibilidade entre casamento e vida profissional tinha
15
grande força no imaginário social. Um dos principais
 
argumentos dos que viam com ressalvas o trabalho feminino
 
era o de que, trabalhando, a mulher deixaria de lado seus
 
afazeres domésticos e suas atenções e cuidados para com o
 
marido: ameaças não só à organização doméstica como
20
também à estabilidade do matrimônio.
 
Carla Bassanezi. Mulheres dos anos dourados. In: História das mulheres
 
no Brasil. 8.ª ed. São Paulo: Con
Infere-se do CG4A1-II que, na década de cinquenta, as mulheres

Questão 6

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
A voz no aeroporto de Congonhas anunciou: “Clien-
 
tes com necessidades especiais, crianças de colo, melhor
 
idade, gestantes e portadores do cartão tal terão preferência etc.”. Num rápido exercício intelectual, concluí que, não
 
tendo necessidades especiais, nem sendo criança de colo,
5
gestante ou portador do dito cartão, só me restava a “melhor
 
idade” – algo entre os 60 anos e a morte.
 
Para os que ainda não chegaram a ela, “melhor idade”
 
é quando você pensa duas vezes antes de se abaixar para
 
pegar o lápis que deixou cair e, se ninguém estiver olhando, chuta-o para debaixo da mesa. Ou, tendo atravessado a
10
rua fora da faixa, arrepende-se no meio do caminho porque
 
o sinal abriu e agora terá de correr para salvar a vida. Ou
 
quando o singelo ato de dar o laço no pé esquerdo do sapato
 
equivale, segundo o João Ubaldo Ribeiro*, a uma modalida-
 
de olímpica.
15
Privilégios da “melhor idade” são o ressecamento da
 
pele, a osteoporose, as placas de gordura no coração, a
 
pressão lembrando placar de basquete americano, a falência
 
dos neurônios, as baixas de visão e audição, a falta de ar, a
 
queda de cabelo, a tendência à obesidade e as disfunções
20
sexuais. Ou seja, nós, da “melhor idade”, estamos com tudo,
 
e os demais podem ir lamber sabão.
 
Outra característica da “melhor idade” é a disponibilidade
 
de seus membros para tomar as montanhas de estimulantes
 
e antidepressivos que seus médicos lhes receitam e depois
25
não conseguem retirar. Outro dia, bem cedo, um jovem casal
 
cruzou comigo no Leblon. Talvez vendo em mim um ptero-
 
dáctilo da clássica boemia carioca, o rapaz perguntou: “Vol-
 
tando da farra, Ruy?”. Respondi, eufórico: “Que nada! Estou
 
voltando da farmácia!”. E esta, de fato, é uma grande vanta-
30
gem da “melhor idade”: você extrai prazer de qualquer lugar
 
a que ainda consiga ir.
(Ruy Castro. Folha de S.Paulo, 29.01.2012. Adaptado) *João Ubaldo Ribeiro: escritor baiano, autor, entre várias obras, de Viva o povo brasileiro.
De acordo com o emprego e a colocação dos pronomes estabelecidos para norma-padrão, a expressão destacada na frase pode ser substituída pela expressão entre parênteses na alternativa.

Questão 7

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
Localizada na baía de Guanabara, a ilha ganhou esse
 
nome pela necessidade do estabelecimento de um posto
 
alfandegário para o controle das mercadorias importadas e
 
exportadas pelo Rio de Janeiro, então capital do Império. Seu
5
primeiro nome foi Ilha dos Ratos.
 
O projeto do posto fiscal foi do engenheiro Adolpho Del Vecchio e seguia alguns padrões do antigo estilo gótico.
 
A importância da edificação não se deve, porém, à sua existência funcional, mas ao último baile do Império, em 9 de
 
novembro de 1889, uma semana antes da proclamação da
 
República. A festa homenageava o Chile, representado pelos
10
oficiais do couraçado Almirante Cochrane, os quais visitavam
 
o país.
 
Cerca de 5 mil pessoas participaram do baile marcado
 
pela extravagância: a ilha foi enfeitada com balões venezianos, lanternas chinesas e vasos franceses. Os convidados
 
desciam dos barcos e eram recepcionados por moças fanta-
15
siadas de fadas e sereias.
 
Enquanto valsas e polcas alegravam os convida-
 
dos, as iguarias eram servidas em pratos ornamentados
 
com flores e frutas exóticas, e os convidados consumiam
 
robustíssimo cardápio: 800 quilos de camarão, 1 300 frangos, 500 perus, 64 faisões, 1 200 latas de aspargos, 20 mil sanduíches, 14 mil sorvetes, além de litros de cerveja, cham-
20
panhe e bebidas diversas.
 
Ao chegar, o imperador Pedro II teria tropeçado e quase levado um tombo. Ao recompor-se, teria dito: “O monarca
 
escorregou, mas a monarquia não caiu”.
 
Não distante dali, os republicanos colocavam os últimos
 
pregos no caixão da monarquia moribunda.
(Texto baseado na obra de Márcio Cotrim. Revista Língua Portuguesa, julho de 2014. Adaptado)
De acordo com as informações do texto, é correto afirmar que

Questão 8

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
Localizada na baía de Guanabara, a ilha ganhou esse
 
nome pela necessidade do estabelecimento de um posto
 
alfandegário para o controle das mercadorias importadas e
 
exportadas pelo Rio de Janeiro, então capital do Império. Seu
5
primeiro nome foi Ilha dos Ratos.
 
O projeto do posto fiscal foi do engenheiro Adolpho Del Vecchio e seguia alguns padrões do antigo estilo gótico.
 
A importância da edificação não se deve, porém, à sua existência funcional, mas ao último baile do Império, em 9 de
 
novembro de 1889, uma semana antes da proclamação da
 
República. A festa homenageava o Chile, representado pelos
10
oficiais do couraçado Almirante Cochrane, os quais visitavam
 
o país.
 
Cerca de 5 mil pessoas participaram do baile marcado
 
pela extravagância: a ilha foi enfeitada com balões venezianos, lanternas chinesas e vasos franceses. Os convidados
 
desciam dos barcos e eram recepcionados por moças fanta-
15
siadas de fadas e sereias.
 
Enquanto valsas e polcas alegravam os convida-
 
dos, as iguarias eram servidas em pratos ornamentados
 
com flores e frutas exóticas, e os convidados consumiam
 
robustíssimo cardápio: 800 quilos de camarão, 1 300 frangos, 500 perus, 64 faisões, 1 200 latas de aspargos, 20 mil sanduíches, 14 mil sorvetes, além de litros de cerveja, cham-
20
panhe e bebidas diversas.
 
Ao chegar, o imperador Pedro II teria tropeçado e quase levado um tombo. Ao recompor-se, teria dito: “O monarca
 
escorregou, mas a monarquia não caiu”.
 
Não distante dali, os republicanos colocavam os últimos
 
pregos no caixão da monarquia moribunda.
(Texto baseado na obra de Márcio Cotrim. Revista Língua Portuguesa, julho de 2014. Adaptado)
O sinal indicativo de crase está corretamente empregado na alternativa:

Questão 9

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
Localizada na baía de Guanabara, a ilha ganhou esse
 
nome pela necessidade do estabelecimento de um posto
 
alfandegário para o controle das mercadorias importadas e
 
exportadas pelo Rio de Janeiro, então capital do Império. Seu
5
primeiro nome foi Ilha dos Ratos.
 
O projeto do posto fiscal foi do engenheiro Adolpho Del Vecchio e seguia alguns padrões do antigo estilo gótico.
 
A importância da edificação não se deve, porém, à sua existência funcional, mas ao último baile do Império, em 9 de
 
novembro de 1889, uma semana antes da proclamação da
 
República. A festa homenageava o Chile, representado pelos
10
oficiais do couraçado Almirante Cochrane, os quais visitavam
 
o país.
 
Cerca de 5 mil pessoas participaram do baile marcado
 
pela extravagância: a ilha foi enfeitada com balões venezianos, lanternas chinesas e vasos franceses. Os convidados
 
desciam dos barcos e eram recepcionados por moças fanta-
15
siadas de fadas e sereias.
 
Enquanto valsas e polcas alegravam os convida-
 
dos, as iguarias eram servidas em pratos ornamentados
 
com flores e frutas exóticas, e os convidados consumiam
 
robustíssimo cardápio: 800 quilos de camarão, 1 300 frangos, 500 perus, 64 faisões, 1 200 latas de aspargos, 20 mil sanduíches, 14 mil sorvetes, além de litros de cerveja, cham-
20
panhe e bebidas diversas.
 
Ao chegar, o imperador Pedro II teria tropeçado e quase levado um tombo. Ao recompor-se, teria dito: “O monarca
 
escorregou, mas a monarquia não caiu”.
 
Não distante dali, os republicanos colocavam os últimos
 
pregos no caixão da monarquia moribunda.
(Texto baseado na obra de Márcio Cotrim. Revista Língua Portuguesa, julho de 2014. Adaptado)
Assinale a alternativa em que a concordância verbal e nominal segue a norma-padrão da língua portuguesa.

Questão 10

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Suponha que a foto e o texto a seguir façam parte de um informativo turístico.



Os interessados _____ conhecer a Ilha Fiscal devem se dirigir ao centro histórico da cidade, onde está o Espaço Cultural da Marinha, _____ qual partem as embarcações que conduzem os turistas à Ilha para uma visita monitorada, _____ duração é de, aproximadamente, duas horas. Para que o texto esteja redigido em conformidade com a norma-padrão, as lacunas devem ser preenchidas, respectivamente, por:

Questão 11

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Os carregadores trouxeram o armário e o instalador não chegou. A negação lógica dessa afirmação é:

Questão 12

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
No diagrama a seguir, considere que há elementos em todas as seções e interseções.



Nessa situação, é verdade afirmar que

Questão 13

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Se as providências foram tomadas, então não houve problema. Uma afirmação que é logicamente equivalente a essa é:

Questão 14

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Considere as afirmações e os respectivos valores lógicos atribuídos a cada uma delas.

I. Francisco é advogado e Gerson é analista. FALSA
II. Gerson é analista ou Hugo é engenheiro. VERDADEIRA
III. Se Francisco é advogado, então Igor é jornalista. FALSA
IV. Se Joel é assistente, então Hugo não é engenheiro. VERDADEIRA
V. Se Lucas é técnico, então Joel é assistente. VERDADEIRA.

A partir dessas informações, é correto concluir que

Questão 15

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Na sequência: 32, 64, 48, 96, 72, 144, 108, …, o primeiro termo que é um número ímpar é o

Questão 16

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Em um computador com Microsoft Windows 7, em sua configuração original, dentro da pasta Documentos existe uma pasta chamada Temp e dentro dela existe um único arquivo chamado Anotações.txt. Um usuário abriu esse arquivo usando o Bloco de Notas. Em seguida, e sem fechar o Bloco de Notas, o usuário abriu o Windows Explorer, selecionou essa pasta Temp e pressionou a tecla DEL. Assinale a alternativa correta sobre o resultado de pressionar a tecla DEL e confirmar quaisquer perguntas feitas eventualmente pelo Windows.

Questão 17

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Em um documento em branco no Microsoft Word 2010, em sua configuração original, com alinhamento de texto à esquerda, um usuário executou as seguintes ações, na sequência apresentada:

I. Digitou Microsoft;
II. Clicou no ícone de alinhamento direita;
III. Pressionou a barra de espaços e digitou Word;
IV. Clicou no ícone de alinhamento centralizado;
V. Pressionou a barra de espaços e digitou 2010.

Assinale a alternativa que apresenta o resultado correto.

Questão 18

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
Na década de cinquenta, cresceu a participação
 
feminina no mercado de trabalho, especialmente no setor de
 
serviços de consumo coletivo, em escritórios, no comércio ou
 
em serviços públicos. Surgiram então mais oportunidades de
5
emprego em profissões como as de enfermeira, professora,
 
funcionária burocrática, médica, assistente social, vendedora,
 
as quais exigiam das mulheres certa qualificação e, em
 
contrapartida, tornavam-nas profissionais remuneradas. Essa
 
tendência demandou maior escolaridade feminina e provocou,
10
sem dúvida, mudanças no status social das mulheres.
 
Entretanto, eram nítidos os preconceitos que cercavam o
 
trabalho feminino nessa época. Como as mulheres ainda eram
 
vistas prioritariamente como donas de casa e mães, a ideia da
 
incompatibilidade entre casamento e vida profissional tinha
15
grande força no imaginário social. Um dos principais
 
argumentos dos que viam com ressalvas o trabalho feminino
 
era o de que, trabalhando, a mulher deixaria de lado seus
 
afazeres domésticos e suas atenções e cuidados para com o
 
marido: ameaças não só à organização doméstica como
20
também à estabilidade do matrimônio.
 
Carla Bassanezi. Mulheres dos anos dourados. In: História das mulheres
 
no Brasil. 8.ª ed. São Paulo: Con
Infere-se do CG4A1-II que, na década de cinquenta, as mulheres

Questão 19

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Tem-se uma imagem do Microsoft PowerPoint 2010, em sua configuração original, representando o modo de exibição do apresentador.



Assinale a alternativa com o conteúdo que é exibido na área destacada com um quadrado tracejado.

Questão 20

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Usando o Microsoft Outlook 2010, em sua configuração original, um usuário redigiu uma mensagem de correio eletrônico e a salvou. Por padrão, a mensagem foi armazenada na pasta Rascunhos. No dia seguinte, o usuário abriu essa mensagem e, pronto para enviá-la, com todos os campos obrigatórios preenchidos, clicou no botão Enviar. Considerando que a operação ocorreu sem erros, a mensagem ____________ na pasta Rascunhos e ____________ na pasta ___________ .

Assinale a alternativa que preenche, correta e respectivamente, as lacunas do enunciado.

Questão 21

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
Em 1986, uma caseira de uma casa, em uma cidade praiana,
 
sentiu-se mal após o almoço. Seu marido resolveu levá-la a um
 
serviço de saúde e sabia que ela só seria atendida se compro-
 
vasse um vínculo formal de emprego. Assim, de posse de sua
5
carteira profissional, a levou para um serviço de saúde perto da
 
casa. Transponha essa mesma situação para 2020.
Assinale a alternativa correta, considerando o enunciado.

Questão 22

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Em um município, a Secretaria de Saúde resolve participar de uma grande feira, na qual haverá venda de alimentos orgânicos da região, divulgação de iniciativas de atividades econômicas, educacionais e sanitárias. Alguns munícipes ficam descontentes e entram com uma petição administrativa, reclamando que não caberia à pasta da Saúde participar de um evento sem relação com a saúde. Assinale a alternativa correta.

Questão 23

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Uma fábrica de médio porte, situada em um bairro populoso, incomoda os vizinhos pelo ruído que se irradia de dentro. A população se reúne para discutir a qual instituição deveria apresentar uma reclamação. Nesse caso, a população deve

Questão 24

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Verifica-se que um município de pequeno porte não tem Conselho Municipal de Saúde. Segundo a Resolução nº 453/12 do Conselho Nacional de Saúde,

Questão 25

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
O Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM)

Questão 26

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Considerando o disposto, expressamente, na Lei nº 12.550/2011, é correto afirmar que a EBSERH

Questão 27

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Na hipótese de uma instituição pretender contratar os serviços da EBSERH, a Lei nº 12.550/2011 estabelece que a contratação

Questão 28

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Assinale a alternativa que está em conformidade com o Estatuto da EBSERH no que diz respeito à sua Diretoria.

Questão 29

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Segundo o Estatuto da EBSERH, a atividade de monitorar a qualidade e integridade dos mecanismos de controle interno, das demonstrações financeiras e das informações e medição divulgadas pela EBSERH, é atribuição

Questão 30

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Joquebede é cidadão brasileiro e pretende apresentar uma denúncia de descumprimento ao Código de Ética e Conduta da EBSERH. Nessa hipótese, é correto afirmar que Joquebede

Questão 31

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
O revestimento exteriorizador do ato administrativo normal é a escrita, embora existam atos consubstanciados em ordens verbais e até mesmo em sinais convencionais. Esse requisito do ato é denominado

Questão 32

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
Na década de cinquenta, cresceu a participação
 
feminina no mercado de trabalho, especialmente no setor de
 
serviços de consumo coletivo, em escritórios, no comércio ou
 
em serviços públicos. Surgiram então mais oportunidades de
5
emprego em profissões como as de enfermeira, professora,
 
funcionária burocrática, médica, assistente social, vendedora,
 
as quais exigiam das mulheres certa qualificação e, em
 
contrapartida, tornavam-nas profissionais remuneradas. Essa
 
tendência demandou maior escolaridade feminina e provocou,
10
sem dúvida, mudanças no status social das mulheres.
 
Entretanto, eram nítidos os preconceitos que cercavam o
 
trabalho feminino nessa época. Como as mulheres ainda eram
 
vistas prioritariamente como donas de casa e mães, a ideia da
 
incompatibilidade entre casamento e vida profissional tinha
15
grande força no imaginário social. Um dos principais
 
argumentos dos que viam com ressalvas o trabalho feminino
 
era o de que, trabalhando, a mulher deixaria de lado seus
 
afazeres domésticos e suas atenções e cuidados para com o
 
marido: ameaças não só à organização doméstica como
20
também à estabilidade do matrimônio.
 
Carla Bassanezi. Mulheres dos anos dourados. In: História das mulheres
 
no Brasil. 8.ª ed. São Paulo: Con
Infere-se do CG4A1-II que, na década de cinquenta, as mulheres

Questão 33

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Configura caso de dispensa de licitação:

Questão 34

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
O contrato administrativo formaliza-se, entre outras formas, pelo termo de contrato que é obrigatório no caso de concorrência e de tomada de preços, bem como nas dispensas e inexigibilidades cujos preços estejam compreendidos nos limites dessas duas modalidades de licitação. Essa característica dos contratos administrativos é a

Questão 35

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
De acordo com a Instrução Normativa nº 5/2017, o acompanhamento com o objetivo de avaliar a execução do objeto nos moldes contratados e, se for o caso, aferir se a quantidade, qualidade, tempo e modo da prestação dos serviços estão compatíveis com os indicadores de níveis mínimos de desempenho estipulados no ato convocatório, para efeito de pagamento conforme o resultado, representa o conjunto de atividades denominado

Questão 36

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
No processo de gestão de contratos, em conformidade com a Instrução Normativa nº 5/2017, identificada uma infração quanto à inobservância do prazo fixado para apresentação da garantia, o órgão ou entidade deverá

Questão 37

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
De acordo com o conceito de racionalidade burocrática, uma organização é considerada racional

Questão 38

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
A ideia de que o parcelamento de tarefas representa a mola do sistema e a determinadas ações ou causas decorrerão determinados efeitos ou consequências dentro de alguma correlação representa o cerne

Questão 39

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Considere o modelo organizacional caracterizado por: tarefas operacionais altamente rotineiras, realizadas por meio de especialização, regras e regulamentos muito formalizados, tarefas agrupadas em departamentos funcionais, autoridade centralizada, pequena amplitude de controle e processo decisório que acompanha a cadeia de comando.

Trata-se da estrutura organizacional denominada

Questão 40

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
O conjunto de características-chave que uma determinada organização valoriza e que representa uma percepção comum compartilhada pelos membros dessa mesma organização é

Questão 41

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
1
O peso de Eurídice se estabilizou, assim como a rotina
 
da família Gusmão Campelo. Antenor saía para o trabalho, os
 
filhos saíam para a escola e Eurídice ficava em casa, moendo
 
carne e remoendo os pensamentos estéreis que faziam da sua
5
vida infeliz. Ela não tinha emprego, ela já tinha ido para a
 
escola, e como preencher as horas do dia depois de arrumar as
 
camas, regar as plantas, varrer a sala, lavar a roupa, temperar
 
o feijão, refogar o arroz, preparar o suflê e fritar os bifes?
 
Porque Eurídice, vejam vocês, era uma mulher brilhante. Se lhe
10
dessem cálculos elaborados, ela projetaria pontes. Se lhe
 
dessem um laboratório, ela inventaria vacinas. Se lhe dessem
 
páginas brancas, ela escreveria clássicos. No entanto, o que lhe
 
deram foram cuecas sujas, que Eurídice lavou muito rápido e
 
muito bem, sentando-se em seguida no sofá, olhando as unhas
15
e pensando no que deveria pensar. E foi assim que concluiu
 
que não deveria pensar, e que, para não pensar, deveria se
 
manter ocupada todas as horas do dia, e que a única atividade
 
caseira que oferecia tal benefício era aquela que apresentava o
 
dom de ser quase infinita em suas demandas diárias: a
20
culinária. Eurídice jamais seria uma engenheira, nunca poria os
 
pés em um laboratório e não ousaria escrever versos, mas essa
 
mulher se dedicou à única atividade permitida que tinha um
 
certo quê de engenharia, ciência e poesia. Todas as manhãs,
 
depois de despertar, preparar, alimentar e se livrar do marido
25
e dos filhos, Eurídice abria o livro de receitas da Tia Palmira.
 
Martha Batalha. A vida invisível de Eurídice Gusmão. 1.ª ed.
 
São Paulo: Companhia das Letras, 2016 (com adaptações).
Infere-se do CG4A1-I que a personagem Eurídice dedicava-se à culinária porque

Questão 42

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Sobre o conceito de motivação, é correto afirmar que

Questão 43

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
A capacidade de influenciar um grupo em direção ao alcance de objetivos indica o conceito de

Questão 44

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
A metodologia de avaliação que oferece um feedback de desempenho de todos aqueles que formam o círculo de contatos diários do funcionário (todos os clientes do colaborador) é aquela denominada

Questão 45

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Na metodologia PDCA, a confecção dos Planos de Ação e o acompanhamento de indicadores ocorrem, respectivamente, nas etapas de

Questão 46

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
O(s) teórico(s) da administração de qualidade que tinha(m) por principal ideia a trilogia da qualidade formada por planejamento, controle e aprimoramento:

Questão 47

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Em relação aos princípios e conceitos arquivísticos, é correto afirmar que

Questão 48

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Conjunto de procedimentos e operações técnicas referentes a produção, tramitação, uso, avaliação e arquivamento de documentos arquivísticos em fase corrente e intermediária, visando a sua eliminação ou recolhimento para guarda permanente.

Trata-se da definição de

Questão 49

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Assinale a alternativa correta.

Questão 50

EBSERH - HC UFU 2020 - VUNESP - Assistente Administrativo
Instrumento de destinação, aprovado por autoridade competente, que determina prazos e condições de guarda, tendo em vista a transferência, o recolhimento, o descarte ou a eliminação de documentos.

Trata-se da definição de



Provas de Concursos » Vunesp 2020